Telebras

Avaliação dos usuários
Empresa Ainda não foram feitas avaliações
Gestão Ainda não foram feitas avaliações
Ticker TELB3, TELB4
Fundador Governo Federal do Brasil
Presidente da empresa Waldemar Gonçalves Ortunho Junior
Alavancada? Não
Registra lucro? Não
Histórico de distribuição de dividendos

A Telebras distribuiu dividendos consecutivamente de 1996 a 1998. Acesse para conferir o histórico de pagamento de dividendos.

Prêmios Melhor Prestação de Serviço Digital do Setor Público na edição latino-americana do DataCenter Dynamics Awards
Participação do Estado 91.59%
Ano de fundação 1972
Ano do IPO 1981
Setor de atuação Comunicações
Recuperação judicial? Não
Tamanho da empresa Mid Cap
Links úteis
  1. RI Telebras
  2. Fundamentos
Principais produtos

A Telebras é a empresa do Estado responsável pela implementação da rede privada de comunicação da administração pública federal.

Produtos:

  • Centro de Operações Espaciais Principal (COPE-P)
  • Programa SGDC envolve a Visiona, o Ministério da Defesa, a Agência Espacial Brasileira e o INPE
  • Internet com Banda dedicada
  • Ponto a Ponto P2P
  • Conexão via satélite em Banda Ka feita pelo SGDC
  • Soluções sob Demanda

O que a empresa faz?

A Telecomunicações Brasileiras S.A – Telebras, é uma empresa de economia mista vinculada ao Ministério das Comunicações, que oferece soluções de conexão.

A empresa atua sobretudo na implementação de políticas públicas de inclusão digital e no atendimento a administração pública com serviços de conexão.

Telebras - TELB3, TELB4

Além disso, a empresa tem a função de estimular o desenvolvimento do mercado de telecomunicações, que antes era monopólio da empresa, através da infraestrutura de provedores regionais. Basicamente, as funções essenciais da empresa são:

Função social: Atua por meio da implementação de políticas de acessibilidade através de projetos de inclusão digital como, por exemplo, o programa GESAC e WI-FI BRASIL do MCOM.

Função de soberania das telecomunicações: É a única companhia capaz de garantir as comunicações estratégicas da Defesa Nacional em todo o país em situações de emergência ou calamidade. 

Também é ela quem fornece sigilo e segurança às telecomunicações do Estado e fornece conexão em áreas de fronteira e em regiões isoladas. Enfim, é a Telebras quem garante a comunicação satelital de maneira independente e soberana.

Função estratégica: Com a Telebras milhares de brasileiros realizam o seu primeiro acesso à internet.

A Telebras oferece tanto uma coesão de uma rede de comunicação única para o país, quanto é capaz de atuar no estabelecimento de conexões em situações de emergência pública.

Telebras - TELB3, TELB4

A estrutura da Telebras conta com quase 30 mil km de fibra óptica espalhados por todo o território nacional, alcançando 1.524 municípios e uma cobertura de satélite de mais de 8 milhões de km². Sendo que os serviços da empresa são subdivididos em 3 tipos de soluções:

  1. Terrestres: Oferece produtos IP Telebras, Ponto a Ponto e o L3VPN MPLS.
  2. Satélite: Conexão via satélite banda ka feito pelo SGDC, sendo que ele é o único satélite que alcança 100% do território nacional.
  3. Demanda: Soluções para empresas que precisam de serviços específicos não listados, mas relacionados com tecnologia da comunicação.

Breve história da empresa

A Telebras foi criada no mês de julho de 1972, sendo que ela está vinculada ao Ministério das Comunicações, que por sua vez, foi criado em 1967.

Ao ser criada a Telebras se tornou uma empresa monopolista no mercado de telecomunicações e permaneceu dessa maneira até 1998.

Telebras - TELB3, TELB4

Isso porque, em 1998 ocorreu a desregulamentação do mercado, o que possibilitou a entrada de novas empresas no setor. Também foi neste ano que a Telebras foi desativada.

Com isso, todas as empresas que a Telebras controlava, foram reagrupadas em 12 holdings atendendo a diferentes regiões do Brasil. Sendo que, com o reagrupamento, 4 empresas se tornaram responsáveis pela telefonia fixa do país ao passo em que 8 empresas ficaram responsáveis pela telefonia móvel.

Além disso, com a reorganização dos serviços de telecomunicações, novas empresas foram criadas tais como a Telemar e a Brasil Telecom que atualmente compõem a Oi e a Telefônica (Vivo).

Posteriormente, em 2010, a Telebras foi reativada. Já em 2012, o decreto 7.796/12 deu início ao programa SGDC, em parceria com o ministério da defesa.

No ano de 2017 o SGCD foi de fato lançado e no mês de outubro de 2018 teve início a instalação da GESAC. No mês de outubro de 2018 teve início o Projeto Acolhida, com a instalação de pontos de acesso para o socorro de imigrantes.

Telebras - TELB3, TELB4

O ano de 2019 foi marcado por uma série de eventos. Por exemplo, em fevereiro ocorreu o socorro a Brumadinho, em maio o Programa GESAC atingiu a marca de 1 milhão de alunos atendidos, em novembro houve a entrega de 10 mil pontos do Programa GESAC e em dezembro ocorreu a finalização da obra do COPE-P – Brasília.


Diretoria

Waldemar Gonçalves Ortunho Junior – Diretor Presidente

André Luís Gomes Monteiro – Diretor Administrativo

Emilio Carlos Acocella – Diretor Técnico Operacional

Bráulio de Paula Machado – Diretor Comercial

Rodrigo Martins Prates  – Diretor de Governança e Relações com Investidores


Conselho administrativo

Vitor Elísio Góes de Oliveira Menezes (Presidente)

Waldemar Gonçalves Ortunho

Maximiliano Salvadori Martinhão

Hélio Marcos Machado Graciosa

Péricles Augustus Barbosa Póvoa

Lauro Arcângelo Zanol

Márcio Barreira Campelo


Principais concorrentes

Telefônica – VIVT4

Oi – OIBR4

Tim – TIMP3


Perspectiva para o futuro

Podemos considerar o futuro da Telebras incerto. Isso porque, apesar de ser uma empresa com função social, estratégia e ter soberania das telecomunicações, ela tem alguns pontos que devem ser levados em consideração.

Em primeiro lugar, é preciso considerar que o governo é dono de 91.59% da empresa. Isso significa que ela é uma empresa muito suscetível às decisões do governo.

Telebras - TELB3, TELB4

Além disso, ela serve aos propósitos estratégicos do governo e possui pouca variedade de serviços.

Além do futuro da empresa ser incerto pois não sabemos quais decisões o governo irá tomar, vale destacar que existe a possibilidade da Telebras ser privatizada. Porém, até o momento, isso é apenas uma hipótese. 


Composição acionária

TELB3 Acionista Percentual
1 União Fderal 91,59%
2 Financiadora de Estudos E Projetos - Finep 6,53%
3 Banco Cruzeiro Do Sul 1,20%
4 Free Float 0,68%
TELB4 Acionista Percentual
1 União Fderal 88,24%
2 Banco Cruzeiro Do Sul 2,95%
3 Free Float 8,81%

Qual sua opinião sobre a empresa?