As 5 formas de ganhar mais dinheiro


São espalhadas várias mentiras e exemplos muito específicos de maneiras consideradas “certas” para se enriquecer. Criamos paradigmas que eventualmente nos atrapalham, deixando estagnada várias etapas no processo dessa busca por ganhar mais dinheiro.

Tomando de base minhas experiências profissionais e financeiras, separei cinco tópicos que considero importantes para te auxiliar durante esse processo.

1. Gastar menos é mais importante do que ganhar mais

O jogo do dinheiro, ganha, quem dura mais.

Essa frase é importante para reforçar a conservação de capital, ela te ajuda a se lembrar do efeito dos juros compostos e o quanto ele pode garantir uma bola de neve do seu patrimônio que eventualmente pode te proporcionar liberdade financeira.

Está repleto pela mídia frases controversas sobre a forma correta de se fazer dinheiro, com pessoas dizendo que o certo é você se alavancar e comprar roupa cara, relógio caro, um carro de luxo para servir como um imã de dinheiro, poder, influência etc.

Mas é simplesmente uma mentalidade que funcionaria, quase que na mesma proporção com a qual ganhasse uma rifa disputada por um grupo gigantesco de pessoas. Considerando a dívida que acumularia com essa decisão, não vale tanto a pena.

Portanto, o interessante é fazer o contrário. Baixar seu padrão de vida para um nível que suporte o quanto você realmente ganha, de forma a gastar somente o que você recebe.

Mas claro, sem tirar seus pequenos prazeres. Claro, que em alguns casos o quanto você ganha pode nem suportar pagar suas despesas fixas básicas de compras no mercado, pagar luz, água, aluguel. E nesse caso você precisa necessariamente ir atrás de mais capital, seja fazendo um bico, trabalhando horas extras ou procurando um trabalho melhor.

2. Trabalho duro não tem nada a ver com dinheiro

Assim, depois de ler sobre buscar mais renda, é natural vir aquele pensamento coach de “preciso começar a trabalhar mais horas, trabalhar duro!”.

Para evitar esse tipo de pensamento, basta lembrarmos de qualquer trabalhador braçal, basta ir para os pontos de ônibus lotados às 6 horas da manhã seguido da sobrecarga desses mesmos ônibus ao final da tarde.

E então? Vai me dizer que essas pessoas, que a maior parte das pessoas não estão trabalhando duro? Que precisam trabalhar ainda mais?

Aqui que encaixamos uma frase clichê, mas que vale cada letra: Precisa-se trabalhar inteligente, não “pesado”.

Uma ideia é tornar automático processos repetitivos, seja através de uma aproximação pessoal mais bem “orquestrada” de forma a criar uma rotina inteligente, assim como o MCdonald ‘s adotou ao sistematizar sua cozinha para finalizar os sanduíches bem mais rápido.

Hoje é interessante aprimorar seus conhecimentos com tecnologias que automatizam processos. Excel, programação, sites que automatizam processos por conta própria, enfim… todo conhecimento pode eventualmente te ajudar a fazer o que precisa ser feito em menos tempo.

Consequentemente é interessante usar esse tempo conquistado, para empreender ou estudar mais, afinal quanto mais conhecimento útil, mais vale sua hora.

3. Quanto mais conhecimento útil você tem, mais cara é sua hora

Justamente pelo que foi explicado no tópico anterior, você ganha tempo com seu conhecimento útil. Esse tempo pode ser usado quase que sob efeito de juros compostos, onde com cada vez mais conhecimento você pode ter.

Assim, o mesmo efeito bola de neve que ocorre com o dinheiro pode acontecer com seu desenvolvimento pessoal, voltado para sua profissão ou para finanças. Não estou falando sobre o desenvolvimento pessoal clichê dos vários livros que te viciam numa teoria bonitinha.

Dessa forma, é indispensável a prática desses conhecimentos. Afinal, de nada adianta tê-los se não se pretende utilizá-los. Lembre-se, temos vários gênios fracassados.

As 5 formas de ganhar mais dinheiro

4. O dinheiro é um bom servo e um péssimo mestre

Visto sob uma ótica de servo, o dinheiro é maravilhoso. Veja bem, só de deixá-lo bem investido você recebe aquele montante. Ele trabalha 24 horas por dia, todos os dias durante o tempo que deixa ele lá investido.

No entanto, sob ótica de mestre (ao qual a maioria das pessoas são escravas) ele aparece no final do mês com nome de salário, você usa ali o que ele te permite usar e logo acaba, aí você volta para o ciclo de trabalhar para vê-lo novamente continuando num fim quase que infinito.

A ideia não é a de deixar de viver para fazer seu dinheiro virar um servo, abrindo mão do cafezinho ou de sessões de cinema. Mas usar a regra número 1 para ter um padrão de vida cabível para o quanto ganha e usar parte dessa renda para conquistar sua liberdade financeira e deixar de ser escravo do dinheiro o quanto antes.

5. Não existe dinheiro fácil

Viralizar um tópico que consiste nos fundamentos de dinheiro fácil e rápido dispensa várias estratégias de marketing. Essa falsa noção do dinheiro fácil ilude muitas pessoas, principalmente as com uma situação financeira mais crítica.

Portanto, quero deixar claro… pela milésima vez, não existe dinheiro fácil. Não existe um “ah, vou achar um GAP no mercado que ninguém descobriu e alavancar meus R$200 milhões”. Pare de usar um acaso, que aconteceu na mesma proporção que vencer na loteria, como argumento para afirmar que você será diferente, que você será o gênio não compreendido, que você é “diferente”.

Pare de perder capital com essas várias “oportunidades irrecusáveis”. Seus colegas, amigos e familiares vão te oferecer essas chances adoráveis de irem juntinhos de mão dadas perder dinheiro.

A ideia não é se limitar, se engessar ou se privar de conhecer novos mercados, mas sempre procurar por valor. Procure como essas “oportunidades” estão gerando valor para quais grupos de pessoas e de que forma os lucros absurdos vão ser uma realidade sem uma perda de capital expressiva por uma outra parte. Pois sem essas análises, existe uma fortíssima possibilidade de não ser um projeto para o longo prazo, e portanto, seu foco nele será em vão.

Gostou do conteúdo? Então, não deixe de assistir ao vídeo acima (do canal Investidor Sardinha) em que detalho contando um pouquinho sobre meu progresso profissional e como cada um desses passos influenciou meus resultados..

Aproveite e faça parte da nossa comunidade no Instagram (@oraulsena) pra ficar sempre por dentro dos investimentos e da Bolsa de Valores.

E não deixe de conferir, também: Como ganhar dinheiro com ações?

Conte-nos a sua opinião...