BRICS: o que é, objetivos, países-membros e curiosidades

5 de janeiro de 2021 - por Jaíne Jehniffer


BRICS é o nome de um bloco composto por: Brasil, Rússia, Índia, China e, por fim, África do Sul.

O termo BRIC foi usado pela primeira vez em 2001, em um artigo de Jim O’Neil. Em resumo, no artigo O’Neil defendia que o Brasil, Rússia, Índia e China seriam as grandes economias do futuro.

Posteriormente, esses países decidiram se unir e formaram o BRIC.

Sendo que o objetivo do bloco é a cooperação para o crescimento da influência geopolítica dos países emergentes participantes

Isso envolve, por exemplo, o fortalecimento econômico dos países que fazem parte do BRICS. Inclusive, os países criaram o Novo Banco de Desenvolvimento do BRICS (NDB).

Origem

BRICS é um acrônimo derivado das iniciais de Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

O termo BRIC foi usado pela primeira vez em 2001, por Jim O’Neil, em um artigo onde o economista defendia que o Brasil, Rússia, Índia e China seriam as grandes economias do futuro.

O termo então passou a ser usado pelos economistas e cientistas políticos para designar um grupo de países com características econômicas em comum.

Posteriormente, em 2009, foi fundado o bloco BRIC, composto por Brasil, Rússia, Índia e China. Por fim, em 2011, a África do Sul passou a integrar oficialmente o bloco. 

Portanto, a expressão, que inicialmente foi usada apenas no estudo de Jim O’Neil, passou a ser a definição de um bloco entre os países emergentes estudados pelo economista.

Entrada da África

Inicialmente, o termo BRIC não englobava a participação da África do Sul. Sendo que a África do Sul foi incorporada ao BRICS oficialmente em 2011.

Desse modo, o termo era apenas BRIC e não BRICS, já que o S vem de South África (Africa do Sul em inglês).

Quais são os países-membros?

Os países que fazem parte do BRICS são: Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Sendo que, de acordo com dados de 2021, as características econômicas e demográficas de cada um deles são:

1- Brasil

O Brasil tem um Produto Interno Bruto (PIB) de 1,609 trilhão USD. Além disso, o país conta com uma população de 214,3 milhões e um IDH de 0,754 pontos.

2- Rússia

O PIB da Rússia 1,779 trilhão e o país tem uma população de 143,4 milhões. Por fim, a Rússia tem um IDH de 0,824 pontos.

3- Índia

A Índia tem um PIB de 3,176 trilhões USD. Sendo que a sua população é composta por 1,408 bilhão e o seu IDH é de 0645 pontos.

4- China

O PIB é de 17,73 trilhões USD. Além disso, o país tem uma população de 1,412 bilhão de habitantes e um IDH de 0,768 pontos.

5- África do Sul

Por fim, temos a África do Sul, cujo PIB é de 419 bilhões USD. Por outro lado, a sua população é composta por 59,39 milhões de habitantes e o seu IDH é de 0,433 pontos.

Objetivos do BRICS

O objetivo do BRICS é fortalecer a influência geopolítica dos países integrantes.

Portanto, a intenção é que os países possam se ajudar em diversos aspectos como, por exemplo, através da cooperação técnica, cultural, acadêmica e científica. Sendo assim, os objetivos principais são:

1- Economia

Primeiramente, a intenção é fortalecer as economias dos países. Desse modo, juntos, o Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, criaram o Novo Banco de Desenvolvimento do BRICS (NDB).

2- Segurança

Além disso, os países buscam tomar medidas contra os crimes transnacionais visando contribuir com a segurança internacional.

3- Cooperação

Por fim, o BRICS tem ainda como objetivo estabelecer cooperação nas áreas técnica, científica, cultural e no setor acadêmico.

Novo Banco de Desenvolvimento

Em síntese, o Novo Banco de Desenvolvimento do BRICS (NBD), mais conhecido como Banco dos BRICS, foi fundado em 2014. A sede do banco fica em Xangai, na China.

Desse modo, a intenção é que o banco sirva como resgate e investimento somente para os países do bloco: Brasil, Rússia, Índia, China e, por fim, África do Sul.

Além disso, o capital inicial do banco foi de 100 bilhões de dólares.

Dessa maneira, ele basicamente funciona como uma alternativa de crédito no lugar do Banco Mundial e ao Fundo Monetário Internacional (FMI). 

No entanto, a criação do Novo Banco de Desenvolvimento e a reserva de 100 bilhões, não agradou aos Estados Unidos e à Inglaterra.

Mas isso não é surpresa, já que estes dois países são os responsáveis pelo FMI e o Banco Mundial, além de serem potências mundiais. 

Curiosidades

Por fim, algumas curiosidades sobre o BRICS que você pode gostar de conferir são:

1- Crescimento

A Índia foi a única participante do BRICS a manter as taxas de crescimento elevadas atingindo até 9% ao ano.

2- PIB

Somando o PIB dos 5 países que fazem parte do BRICS, o resultado é um PIB que equivale a 22% do PIB mundial. Além disso, no total, a população corresponde a 42% dos habitantes do planeta.

3- BRICS não fazem mais sentido

Como você já sabe, o termo BRICS passou a ser usado depois de um artigo do economista Jim O’Neil.

No entanto, em 2013, Jim O’Neil declarou que o termo BRICS já não fazia mais nenhum sentido. Isso porque os países não tomaram os rumos que o economista esperava.

LEIA MAIS

Bibliografia:

  • Bezerra, Juliana. BRICS. Toda matéria. Acesso em: 24 de maio de 2022.

8 dicas do que fazer com a restituição do IR

Como comprar euro mais barato

As dívidas mais comuns entre os brasileiros e como evitá-las

Programa de fidelidade: o que é, como funciona e exemplos