Ambipar compra metade da Bleu Empreendimentos Digitais


A Ambipar (AMBP3) revelou que comprou metade da Bleu Empreendimentos Digitais, empresa de tecnologia blockchain. No entanto, a companhia não divulgou o preço da venda.

A Bleu Empreendimentos Digitais é famosa por possuir soluções de tokenização de ativos, administração de carteiras digitais, criação de smartcontracts na tecnologia blockchain, orientação e localização de insumos em blockchain.

Por conta dessa compra, a Ambipar consegue a especialização em resultados tecnológicos blockchain para identificar qualquer corrente de resquícios. Sendo assim, a partir da geração, passa pela movimentação e chega na valorização.

Renomeação

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Devido à aquisição, a Bleu Empreendimentos Digitais alterou o seu nome para Ambipar Bleu Technologies. Sendo assim, terá o suporte de administração técnica e a estrutura da Ambipar (AMBP3) para movimentar a velocidade de elevação da companhia.

Compras da Ambipar

A Ambipar já havia feito outras compras. Na semana anterior, por exemplo, a empresa revelou que adquiriu o controle acionário da Brasil Coleta Gerenciamento de Resíduos. Esse método foi feito através da sua controlada integral Environmental ESG. A Ambipar também não revelou o preço da compra.

Sobre a Ambipar

Ambipar compra metade da Bleu Empreendimentos Digitais

Segundo a Ambipar, a Brasil Coleta exerce funções há um número superior a 24 anos no mercado de gerenciamento de resíduos, perita na captação, valorização e comercialização de Resíduos Industriais Recicláveis. Isso engloba também a logística avessa.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Ainda de acordo com a companhia, o mapa industrial está concentrado nos Estados de São Paulo e do Amazonas. Portanto, os planejamentos para a execução em grandes quantidades. Por isso, permite a diminuição considerável de custos coordenados e funcional.

Além disso, a Ambipar ressalta também que continua com o projeto estratégico de aumento dos investimentos em revolução com alta tecnologia.

Leia também sobre o Aumento de 10,7% do Índice de Preços ao Produtor da China no mês de setembro!

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Conte-nos a sua opinião...