6 mitos sobre a Bolsa de Valores – perca o medo de investir!


Existem alguns mitos sobre a Bolsa de Valores que fazem muita gente ficar com medo de investir e optar por alternativas mais “seguras”. Que mitos são estes? Será que eles fazem algum sentido? Afinal de contas, vale a pena investir na Bolsa de Valores?

O medo de perder dinheiro

O mercado financeiro, mais especificamente na Renda Variável, tem, sim, muitas armadilhas. E os investidores tendem a tomar decisões erradas, em algum momento, e acabar se frustrando depois de perder dinheiro na Bolsa.

Mas, isso não significa que investir na Bolsa de Valores seja um mau negócio. Muito pelo contrário! Então, vamos conhecer alguns dos mitos sobre investir na Renda Variável e saber como você pode investir do jeito certo.

Mito 1 – É arriscado

Muita gente não investe na Bolsa de Valores porque acha arriscado demais. De fato, a renda variável varia. Então, é comum que haja oscilações no mercado de ações. Mas, este não é o verdadeiro problema.

Afinal, se você compra uma boa ação pensando no longo prazo e não vende em momentos de baixa, você não perde absolutamente nada. Basta esperar que a fase ruim passe e a ação volte a subir e gerar valor.

O mais arriscado, portanto, é a especulação – e não o investimento em si. Quase todo mundo que perde dinheiro na Bolsa investe, hoje, pensando em ficar rico amanhã. Então, fuja da armadilha do dinheiro rápido. Bolsa de Valores não é casino.

Se você fizer uma análise correta da ação e tiver uma boa gestão de risco, focado no longo prazo, suas chances de ganhar vão ser infinitamente maiores que as de perder.

Mito 2 – Não gera valor para a sociedade

Outro mito muito comum é o de que a Bolsa de Valores não gera valor para a sociedade. Quem defende uma tese absurda dessa, não entende o básico do funcionamento da Bolsa.

Pra começar, uma empresa só entra na B3 por meio da captação de recursos dos investidores. E estes recursos são usados para a empresa crescer, contratar mais funcionários, fazer obras, operações logísticas e por aí vai.

Ou seja, as grandes empresas que estão listadas na Bolsa são responsáveis pela criação e pelo crescimento de várias outras empresas, gerando mais postos de trabalho e, consequentemente, enriquecendo milhares de pessoas.

Por tudo isso, a Bolsa de Valores faz funcionar toda a engrenagem da cadeia produtiva e gera um valor incomensurável pra sociedade.

Mito 3 – Investir é coisa de gente rica

O terceiro mito é o de que investir é apenas para os ricos. Existiu, de fato, um tempo em que os investimentos eram coisa de gente rica no Brasil.

Nessa época, as taxas e custos cobrados pelos bancos e corretoras eram altíssimas. Com isso, não compensava investir valores considerados baixos.

Hoje, contudo, a realidade é completamente diferente. A maioria das corretoras, inclusive a nossa plataforma (IsaEx) têm taxa zero para todas as operações.

Dessa forma, mesmo quem ganha um salário muito baixo pode investir R$ 100 – ou até menos – todos os meses.

Mito 4 – Dá pra enriquecer só investindo

O quarto mito não faz, necessariamente, as pessoas fugirem da Bolsa. Ao contrário, este faz muita gente começar a investir, mas com a mentalidade errada.

Inscreva-se na Pior Newsletter Possível!

Receba os melhores conteúdos (ou não) gratuitamente!

Usamos a Sendinblue como nossa plataforma de marketing. Ao clicar abaixo para enviar este formulário, você reconhece que as informações fornecidas por você serão transferidas para a Sendinblue para processamento, de acordo com o termos de uso deles

Acontece que vários guruzinhos de internet, mal intencionados, vendem a ideia de que é possível ficar rico APENAS investindo na Bolsa de Valores.

Na maioria das vezes, essa pessoa está mentindo ou usando um grande patrimônio para turbinar os investimentos. Para o trabalhador comum, é simplesmente impossível enriquecer apenas investindo!

Bolsa de Valores só é meio de vida para quem trabalha, diretamente, no mercado financeiro.

Mito 5 – Não é possível viver de Bolsa de Valores

Na contramão do quarto mito, está a ideia de que “não é possível viver da Bolsa de Valores”. Na verdade, é plenamente possível viver dos seus investimentos, desde que você já tenha acumulado capital suficiente para isso.

Ou seja, primeiro você trabalha muito, faz os aportes mensais durante anos e constrói patrimônio. Depois, quando o dinheiro acumulado ao longo destes muitos anos for suficiente, você se dá o luxo de viver da renda dos seus investimentos.

Mito 6 – Preciso contratar um especialista para investir

O último mito da nossa lista é o que tem feito muita gente perder dinheiro no mercado financeiro. Por medo ou insegurança, alguns investidores optam por contratar um especialista.

O problema é que, dependendo da empresa escolhida, o especialista pode estar usando todo o conhecimento dele contra você.

Na prática, o que existe é um grande conflito de interesses, principalmente com relação ao chamado AAI (Agente Autônomo de Investimentos). Eles acabam te indicando os produtos financeiros menos rentáveis e com taxas mais altas porque, assim, eles acabam ganhando mais.

Aprenda a investir sozinho

Para fugir das armadilhas do mercado financeiro, o ideal é que você tome suas decisões por conta própria. Na nossa escola de investimentos, a AUVP (A Única Verdade Possível), você aprende a investir, do zero, em apenas 8 semanas. E com a garantia de 100% do seu dinheiro de volta, caso não consiga aprender.

Trata-se da melhor escolha de investimentos do Brasil, com curso composto por 100 aulas e mais de 40 horas de conteúdo teórico e prático.

Além disso, você vai ter aulas semanais AO VIVO, para tirar todas as suas dúvidas diretamente comigo, Raul Sena.

E então, gostou do conteúdo? Não deixe de assistir ao vídeo acima (do canal Investidor Sardinha) em que detalho os 6 mitos sobre investir na Bolsa de Valores.

Aproveite e faça parte da nossa comunidade no Instagram (@oraulsena) pra ficar sempre por dentro dos investimentos e da Bolsa de Valores.

E não deixe de conferir, também: Como ficar milionário na Bolsa de Valores.

Conte-nos a sua opinião...