Lara Brenner: biografia e criação do Expressando Direito


Lara Brenner é a fundadora do Expressando Direito, um curso que visa ensinar português jurídico para os profissionais da área de Direito.

A ideia do curso surgiu quando Lara notou que os profissionais tinham muitas dificuldades na Língua Portuguesa, sendo que, este é o instrumento básico da profissão.

Dessa maneira, ela oferece um curso completo onde ensina os profissionais a escreverem com clareza, deixando totalmente de lado a típica linguagem embromada do Direito, que dificulta a compreensão até mesmo entre os próprios profissionais.

Infância e estudos de Lara Brenner

Lara Brenner da Rocha Vasconcelos Queiroz, nasceu em um sábado, no dia 15 de fevereiro de 1989, em Goiânia, capital de Goiás. Tendo como pais a médica Kátia Brenner e o advogado Mário Vasconcelos. Na infância Lara era estudiosa e obediente. Além disso, tinha como objetivo se tornar médica ou juíza.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Já na adolescência, o sonho passou a ser virar jornalista ou diplomata. Porém, quando chegou a hora de escolher o curso superior, sem saber muito bem o que queria e influenciada pelos pais e professores, ela escolheu o curso de Direito.

Lara Brenner: biografia e criação do Expressando Direito

Tadeu Nunó

Em síntese, os professores notaram que Lara se destacava em humanas, logo, acreditaram que o Direito seria uma boa escolha para a jovem. Por outro lado, os pais desejavam que a filha estudasse Direito e fizesse concurso, por causa da estabilidade.

Como estudar Direito parecia um plano adulto e seguro, Lara acabou escolhendo este curso e se formou em 2013, pela PUC-GO. No fundo, ela sabia que não tinha inclinação para o Direito. Entretanto, como Lara não sabia ainda o que queria fazer da vida, e o Direito tinha um ar promissor, ela permaneceu nessa área.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Carreira de Lara Brenner

Depois de se formar em Direito, Lara exerceu a profissão em três escritórios diferentes: Felicíssimo Sena, Gualberto e Bastos e Ovídio Martins. Ela permaneceu um ano em cada escritório, exercendo atribuições diversas com o objetivo de se encontrar no Direito.

Além de advogar, Lara também fez pós-graduação em Direito Eleitoral, na UFG e Administração de Empresas, na Fundação Getúlio Vargas, Esp. Apesar de sempre ficar esperançosa quando mudava de escritório, Lara percebeu que advogar realmente não era o que ela queria fazer da vida.

Lara Brenner: biografia e criação do Expressando Direito

Tadeu Nunó

Neste momento, ela teve uma importante revelação: apesar de inicialmente exercer funções diferentes em cada escritório que trabalhou, com o passar do tempo ela sempre se tornava responsável por corrigir peças, que tinham muitos desvios normativos de português.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Foi assim que Lara começou a perceber que o português estava chamando mais alto do que o Direito. De fato, Lara não aguentava mais advogar, já que ela não tinha gosto pela profissão. Com o incentivo do namorado Fernando Bueno Santos (que agora é marido), ela pediu demissão do emprego e começou a dar aulas particulares de português para adolescentes e adultos.

Além disso, Lara passou a deixar currículo em vários colégios de ensino médio. Em um deles, onde ela mesmo tinha estudado, surgiu uma oportunidade para trabalhar como professora de redação. Em resumo, a professora do colégio estava saindo da licença-maternidade e eles precisavam que alguém assumisse a vaga em duas semanas.

Professora no ensino médio

Lara Brenner teve exatamente duas semanas para mergulhar fundo nos estudos e se preparar para ser professora de Redação. Sem perder tempo, ela se matriculou em uma pós-graduação em docência em Letras, na Faespe. Essa medida foi necessária para que ela pudesse atuar legalmente em sala de aula, já que sua formação era em Direito.

Sendo assim, no mês de outubro Lara assumiu as aulas de redação. Ela adorou a experiência como professora, apesar de achar que o ensino dessa disciplina era muito engessado, já que devia se encaixar no formato de redação para o vestibular.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Tadeu Nunó

Os alunos também gostaram muito da nova professora, notícia que se espalhou para outras escolas. Desse modo, quando a professora de Redação voltou da licença maternidade, Lara assumiu outra vaga na mesma escola. No ano seguinte, ela já estava dando aula em duas escolas.

Dois anos depois, já era docente em quatro escolas. Sendo que, no meio da trajetória, ela acabou trocando Redação por Língua Portuguesa. O tempo que passou dando aula no ensino médio, foi fundamental para que ela desenvolvesse didática de ensino e sistematizasse o conhecimento em sua cabeça.

Por fim, depois de cinco anos dando aulas no ensino médio, Lara Brenner notou que a demanda pela Língua Portuguesa entre os profissionais do Direito era enorme. Foi assim que ela começou a pensar no Expressando Direito.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Expressando Direito

Após cinco anos como professora, Lara começou a sentir vontade de entrar para o mercado digital. Primeiramente, ela começou a movimentar profissionalmente sua conta no Instagram. Pouco depois, percebeu que os profissionais do Direito estavam desesperados para melhorar o domínio da Língua Portuguesa.

Lara chegou a essa conclusão, pois, diariamente recebia inúmeras dúvidas dos profissionais, em relação ao Português. O próximo passo foi fazer um levantamento de quais eram as principais dificuldades dos profissionais de Direito.

Lara Brenner: biografia e criação do Expressando Direito

Tadeu Nunó

Depois disso, ela digitou no Google “português jurídico” e analisou quais os cursos estavam sendo oferecidos. No resultado da pesquisa apareceram pós-graduações (particular com duração de dois anos), alguns cursos curtos (que entregavam pouco conteúdo) e alguns cursos excessivamente formais.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Neste momento ela notou qual o diferencial que seu produto teria: conteúdo profundo e com linguagem de fácil entendimento. Em outras palavras, Lara Brenner percebeu que ao aliar a didática do ensino médio com a sua formação em direito e pós em português, ela poderia ensinar português jurídico para os advogados.

Didática do curso

O Expressando Direito foi criado para ser um curso prático. Portanto, ele envolve todos os conceitos da gramática normativa. No entanto, é feita uma seleção daqueles que os profissionais do Direito precisam cotidianamente, para a redação das peças.

Apesar da Lara e seu pai (sócio e professor do Expressando Direito), usarem algumas nomenclaturas técnicas, elas sempre são acompanhadas de explicações claras. Ou seja, diferente dos cursos com advogados que falam tão embromados que até mesmo os profissionais têm dificuldades em entender o conteúdo, o curso da Lara foi criado para facilitar o entendimento da língua.

Lara Brenner: biografia e criação do Expressando Direito

Tadeu Nunó

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Além de trabalhar temas como concordância, regência, crase, coesão e coerência, clareza e precisão, que são algumas das principais dúvidas dos profissionais, o curso também aborda alguns vícios comuns da redação jurídica, como, por exemplo, prolixidade e falta de clareza.

Enfim, com o objetivo de dar segurança e autonomia para os profissionais, o curso possui 40 horas de conteúdo, 6 módulos bônus, exercícios sobre os conteúdos abordados, e-books e lives exclusivas para os alunos. No final do curso, o profissional do Direito, cuja ferramenta básica de trabalho é a língua, passa a ser senhor da própria comunicação.

Vida pessoal de Lara Brenner

Lara Brenner gosta de tomar um bom vinho com o esposo e os amigos. Curte bater um papo, sem se preocupar com as horas, e de comemorar todas as pequenas vitórias do dia a dia. Como católica, ela gosta de ir à missa e entregar nas mãos de Deus suas angústias e pedir para ser um instrumento da Sua vontade.

Tadeu Nunó

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Lara também gosta de tocar piano, desenhar, fazer musculação, comprar roupas, viajar e descobrir lugares inusitados. Adora abrir vários livros, e junto com uma boa xícara de café, se dedicar completamente a uma pesquisa ou escrita de um artigo.

Amante da leitura e de filmes surpreendentes, Lara indica os seguintes filmes: Sociedade dos poetas mortos, A vida é bela, Whiplash, O leitor, A pele que habito e todos os filmes do Woody Allen. Já em relação aos livros, Lara gosta muito das seguintes obras:

  • Livro do desassossego de Fernando Pessoa;
  • A louca da casa de Rosa Montero;
  • 1984 de George Orwell;
  • 12 Regras para a vida de Jordan Peterson;
  • Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis.

Agora que você conhece a biografia de Lara Brenner, assista ao podcast de Raul Sena, o Investidor Sardinha com participação de Lara Brenner:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

E aí, gostou de conhecer o perfil da Lara Brenner? Então aproveite para conhecer outras biografias disponíveis aqui no Investidor Sardinha, como, por exemplo, Luiza Helena Trajano, Pietro Krauss, Nathalia Arcuri, Primo Rico, Cristiana Arcangeli e Raul Sena, o Investidor Sardinha. Você pode também aprender Como investir? Passo a passo e alternativas por menos de 100 reais

Fontes: Investidor Sardinha

Imagens de Tadeu Nunó

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Conte-nos a sua opinião...