Luiza Helena Trajano: história do grande nome do Magalu

2 de setembro de 2020, por Nathalia Lourenço

Tempo de leitura médio: 7 min, 53 seg


Luiza Helena Trajano é empresária, e ficou muito conhecida por ter sido CEO da grande rede de lojas Magazine Luiza, onde atuou até 2015, quando se tornou presidente do Conselho de Administração

Tendo sido eleita em 2012 pela revista TIME como uma das 100 mulheres mais influentes do mundo, Luiza já chegou a possuir uma fortuna estimada em R$ 3,5 bilhões de reais

Quer saber mais da história de vida e empreendimentos de Maria Luiza Trajano? Acompanhe no texto a seguir:

Quem é Luiza Helena Trajano?

Nascida em 9 de outubro de 1948, no município de Franca, interior de São Paulo, desde muito nova, Luiza teve influência de sua mãe e de sua tia ao moldar sua veia empreendedora

Aos 12 anos começou a trabalhar na loja da tia durante as férias escolares, e foi com essa experiência de balconista que despertou seu amor pelos negócios. Aos 17 anos, quando terminou o Ensino Médio, se tornou oficialmente uma funcionária da loja. 

Luiza ainda é uma das fundadoras do Grupo Mulheres do Brasil, que integra cerca de 50 mulheres atuantes na economia e busca estratégias para estimular a participação feminina na vida social e econômica do país.

Família de Luiza

Luiza é filha única de Jacira Trajano Inácio e Clarismundo Inácio.

Foi casada com o empresário e ex-presidente do grupo Magazine Luiza, Erasmo Fernandes Rodrigues com quem teve 3 filhos,  Ana Luiza, Frederico e Luciana Trajano

Carreira de Luiza Helena Trajano

Formação

Apesar de inicialmente querer cursar psicologia, Luiza acabou optando por direito e se formou pela Faculdade de Direito de Franca, em 1972. O conhecimento jurídico foi uma ferramenta importante em sua carreira empresarial. Totalmente envolvida com as lojas Magazine Luiza, ela nunca chegou a exercer a profissão de advogada.

Luiza também iniciou a graduação em Administração, mas não chegou a concluí-lo. 

Entrada na Magazine Luiza 

Luiza passou por diversos cargos dentro da rede varejista, passando de vendedora, a gerente e encarregada, até que em 1991 assumiu a liderança da empresa

Conseguindo assim transformar a rede de lojas do interior de São Paulo, em uma rede que batia de frente com as gigantes do segmento como Casas Bahia e Ponto Frio

Modernização da Magazine Luiza

Sempre buscando por inovação, a Magazine Luiza foi uma das primeiras a aderir ao sistema de computadores nas lojas, em 1981. Posteriormente, em 1986, a loja abriu o seu primeiro Centro de Distribuição (CD) completamente automatizado.

Reconhecida por sua abordagem inovadora no varejo, Luiza introduziu as primeiras lojas virtuais no Brasil e ampliou a rede de lojas para outros estados do país. 

Em 2002 foi criado o Luizacred, em uma parceria com o Itaú Unibanco, e em 2005 foi criado o Luizaseg, dessa vez em sociedade com a Cardif.

Sua gestão humanizada, valorizando a individualidade de cada colaborador e promovendo uma cultura de empatia e crescimento, fez do Magazine Luiza uma das melhores empresas para se trabalhar no Brasil.

 Expansão do Magalu

Com a liderança de Luiza, diversas ações foram criadas para otimizar as vendas e colocar o nome da loja na boca do povo. Uma delas foi a criação da Liquidação Fantástica, que ocorre em janeiro.

Na Liquidação Fantástica as mercadorias são vendidas com desconto de até 70%. Contudo, os clientes só podem comprar o que conseguirem carregar. A ideia deu tão certo que antes mesmo da abertura da loja, já haviam várias pessoas esperando do lado de fora e a liquidação foi um sucesso. 

Naquele dia a loja faturou R$ 100 milhões em cinco horas e se tornou um exemplo para outras varejistas no Brasil.

Paralelo ao processo de inovação interna e externa, a Magazine Luiza realizava seu processo de expansão. Desse modo, a empresa comprou outras lojas e inaugurou novas unidades da Magazine Luiza. Com crescente expansão das operações da Magazine Luiza, a abertura de capital na bolsa de valores foi inevitável. 

O dinheiro obtido com a abertura de capital, a companhia continuou comprando outras empresas nos anos seguintes. Com isso, hoje em dia, a rede Magazine Luiza está presente em 18 estados brasileiros com mais de 1.000 lojas, chegando a atender mais de 18 milhões de clientes. Além disso, a presença online da empresa também é muito marcante. 

6 conselhos e lições sobre empreendedorismo de Luiza Helena Trajano

Com a carreira de sucesso no ramo do empreendedorismo, Luiza aprendeu muito e tem diversos conselhos para dar, alguns deles são:

  • Valorize as pessoas;
  • Inove sempre;
  • Não reclame das dificuldades;
  • Não tenha medo de errar;
  • Faça perguntas;
  • Críticas são valiosas.

Além dos conselhos, Luiza tem ainda uma frase que virou símbolo da sua carreira de sucesso: “Primeiro faça o necessário, depois faça o possível e, de repente, você vai perceber que pode fazer o impossível.”

Por fim, confira algumas lições sobre empreendedorismo de Luiza Helena Trajano:

1) Reclame menos, aja mais

Não adianta ficar reclamando, a solução é agir e fazer o que precisa ser feito.

Segundo a empreendedora: “Não falo mal do meu país. Me sinto responsável pelo desenvolvimento do país e prefiro pensar em soluções ao invés de reclamar”.

2) O cliente é o bem mais importante

Não adianta inovar na empresa e perder o foco no cliente. É preciso que os dois andem juntos, para que o negócio tenha sucesso. Luiza Helena Trajano afirma que:

“Existem duas coisas comuns às empresas que dão certo: atendimento e inovação. Você precisa ter um atendimento ao cliente de primeira. E também, estar atento ao que há de novo no mercado, para não ficar para trás.”

3) Críticas são valiosas

Todos gostamos de receber elogios. No entanto, Luiza Helena Trajano explica que são as críticas que irão ajudar no nosso crescimento.

A empreendedora explica: “Quando você tem um cargo alto, as pessoas ao seu redor passam a falar apenas aquilo que você quer ouvir. Mas você só cresce quando ouve aquilo que não quer ouvir. O gestor precisa fazer um esforço para ouvir feedback negativo. Por isso, eu fico à frente do SAC do Magazine Luiza. Ninguém gosta de ouvir críticas, porém são elas que nos mostram onde estamos errando. Ouviu, aprendeu, corrigiu. Simples assim.”

4) Pense grande

“A gente tem mania de pensar pobre e traçar coisas pequenas.”

A frase da empresária mostra como ela pensa sobre a mentalidade e a ambição. Trajano crê que pensar grande e ter metas altas é muito importante para o sucesso do negócio.

5) Não desista de seus sonhos

Essa frase é muito comum, mas Luiza Trajano a adotou como sua: “Não desista dos seus sonhos.”

É uma demonstração do próprio modo de pensar da empresária, que sonhou em atingir grandes metas, e conseguiu. É também um conselho para quem luta continuamente para conquistar suas metas. Assim, ela acredita na persistência, na resiliência, na busca dos seus sonhos.

6) Um time de sucesso tem várias estrelas

Por fim, a última lição é saber que só você ser bom, não é suficiente. Ou seja, para que um time tenha sucesso, não adianta só uma pessoa ser uma estrela, é preciso de várias estrelas.

Luiza Helena Trajano explica que: “Eu sempre digo que a soma de QIs é melhor do que apenas um QI. Por isso, eu dependo das pessoas para fazer o negócio funcionar. Eu não me considero inteligente, mas acho que sei fazer perguntas para as pessoas certas. Contrate pessoas qualificadas para aquilo que não tem domínio. Não precisamos saber de tudo, mas precisamos estar cercados de pessoas que sabem.”

Fontes: Infomoney, Invest News, eBiografia, Conta Azul