Warren Buffett: biografia e lições do maior investidor do mundo

Warren Buffett é considerado um dos maiores investidores e filantropos do mundo. Conheça sua história de vida, uma das mais inspiradoras.

13 de agosto de 2020 - por Sidemar Castro


Warren Buffett, um dos homens mais ricos do mundo, nasceu em um momento crítico, em que os Estados Unidos passavam pela devastadora e temida Grande Depressão. Hoje, ele é considerado o maior investidor do mundo. 

Apesar de pertencer à uma família de classe média, Buffett pensava grande. Nesse sentido, desde a infância ele já tinha características empreendedoras que o destacavam dos demais. Como resultado do que aprendeu com David Dodd e Benjamin Graham, Warren Buffett se dedicou a estudar empresas à fundo antes de comprar suas ações.

Em suma, ele descobriu os valores que conduziam determinadas empresas, como elas funcionavam e se valia o investimento, apesar de estar em declínio.

Como resultado do método de Benjamin Graham, Buffett excedeu as expectativas de ganhos na bolsa de valores. E então tornou-se conhecido mundialmente não apenas pelo jeito Warren de investir, mas ainda pelas sábias frases e por ser um grande filantropo.

Quem é Warren Buffett?

Warren Buffett é um investidor e empresário americano, considerado um dos mais bem-sucedidos e influentes do mundo. Ele é o presidente e principal acionista da Berkshire Hathaway, uma empresa de investimentos que possui participações em diversas companhias, como Apple, Coca-Cola, Visa e Kraft-Heinz.

Buffett segue a filosofia do investimento em valor, que consiste em buscar por ações subvalorizadas pelo mercado, mas que possuem fundamentos sólidos e potencial de crescimento a longo prazo. Ele também é conhecido por sua generosidade e filantropia, tendo doado bilhões de dólares para diversas causas sociais e humanitárias.

Warren Buffett é apelidado de “Oráculo de Omaha”, em referência à sua cidade natal e à sua capacidade de prever os movimentos do mercado.

Carreira de Warren Buffett

Formação

Warren Buffett começou sua educação na Rose Hill Elementary School. Mais tarde, ele entrou na Wharton School da Universidade da Pensilvânia em 1947 antes de se transferir para e se formar na Universidade de Nebraska aos 19 anos.

Ele então se formou na Columbia Business School, onde moldou sua filosofia de investimento em torno do conceito de investimento em valor pioneiro por Benjamin Graham. Warren Buffett também frequentou o New York Institute of Finance para se concentrar em seu background econômico.

Primeiros negócios

Buffett começou sua vida empresarial vendendo chiclete Juicy Fruit, fazendo dois centavos de lucro por pacote. Ele também vendeu Cokes a 5 centavos por garrafa, pacotes de 6 comprados na loja de seu avô por 25 centavos, dando-lhe um lucro de 5 centavos.

Aos 15 anos, Buffett vendia jornais do Washington Post, economizando $1200 e comprando 40 acres de terras agrícolas em Omaha, Nebraska. Aos 17 anos, Buffett e seu amigo Donald Danly começaram a Wilson Coin Operated Machines. O negócio comprou uma máquina de pinball por $25 e a colocou em uma barbearia. A Wilson Coin rendeu a Buffett e Danly $50 por semana. Em poucos meses, eles possuíam três máquinas e um ano depois venderam a Wilson por $1200.

Primeiros investimentos

Aos 11 anos, com todo o seu dinheiro, Buffett comprou seis ações (3 para ele e 3 para sua irmã Doris) da Cities Service (agora CITGO Oil) por $38 por ação. O estoque caiu para $27 e depois subiu para $40 quando ele o vendeu, no entanto, ele perdeu depois que alguns anos depois foi para $202. Buffett considera isso uma lição inicial sobre “paciência no investimento”.

Participações mais relevantes de Buffett

As cinco maiores posições do portfólio de Warren Buffett são Apple Inc (AAPL), Bank of America Corp (BAC), American Express Co (AXP), Coca-Cola Co (KO) e Chevron Corp (CVX). A Apple é a maior participação da Berkshire Hathaway, representando 50% do portfólio de ações.

Filantropia

Buffett é um filantropo notável, tendo prometido doar 99% de sua fortuna para causas filantrópicas, principalmente através da Fundação Bill & Melinda Gates. Ele fundou The Giving Pledge em 2010 com Bill Gates, onde bilionários se comprometem a doar pelo menos metade de suas fortunas. Até agora, Buffett doou mais de $36 bilhões desde 2006, que impulsionaram o impacto da Fundação Gates nos EUA e através de seus programas globais.

Qual é o patrimônio de Warren Buffett?

O patrimônio líquido de Warren Buffett varia de acordo com as fontes, mas aqui estão algumas estimativas recentes:

  • Em 30 de agosto de 2023, seu patrimônio líquido foi estimado em 120 bilhões de dólares, pela Forbes.
  • Também pela Forbes, em 2 de outubro de 2023, seu patrimônio líquido foi estimado em 117 bilhões de dólares.
  • Em 14 de outubro de 2023, seu patrimônio líquido foi estimado em 115.1 bilhões de dólares, pela NetWorth.
  • Na lista da Forbes dos 25 mais ricos do mundo em 2023, seu patrimônio líquido foi listado como 106 bilhões de dólares.

Atenção: note que essas são apenas estimativas e o patrimônio líquido real pode variar.

Como é a teoria desenvolvida por Warren Buffett?

Warren Buffett é conhecido por introduzir a filosofia de investimento em valor para as massas, defendendo o investimento em empresas que mostram ganhos robustos e potencial de crescimento a longo prazo. Aqui estão alguns dos princípios fundamentais da teoria de investimento de Warren Buffett:

Princípios de Negócios:

Buffett restringe seus investimentos a negócios que ele pode facilmente analisar. Ele evita empresas cuja filosofia operacional é ambígua, pois é difícil projetar seu desempenho de forma confiável.

Princípios de Gestão:

Buffett avalia o histórico dos executivos de uma empresa para determinar se eles reinvestiram lucros na empresa ou se redistribuíram fundos para os acionistas na forma de dividendos. Buffett favorece este último cenário, o que sugere que uma empresa está ansiosa para maximizar o valor do acionista.

Princípios Financeiros

Buffett se concentra em empresas com baixa alavancagem e altas margens de lucro. Ele valoriza a importância do cálculo do valor econômico adicionado (EVA), que estima os lucros de uma empresa, depois que a participação dos acionistas é removida da equação.

Valor

Buffett segue a escola Benjamin Graham de investimento em valor. Os investidores em valor procuram por títulos com preços injustificadamente baixos com base em seu valor intrínseco.

Esses são apenas alguns dos princípios fundamentais da teoria de investimento de Warren Buffett. A aplicação desses princípios pode variar dependendo das circunstâncias específicas.

Quais são as principais lições deixadas por Warren Buffett?

Warren Buffett, um dos investidores mais bem-sucedidos do mundo, deixou várias lições valiosas sobre investimentos e finanças pessoais. Aqui estão algumas das principais:

  • Risco Vem de Não Saber o Que Você Está Fazendo: Buffett aconselhou os investidores a não perseguir tudo que brilha e a se concentrar apenas nas oportunidades que eles entendem. Por exemplo, ele evitou ações de tecnologia por muitos anos porque não entendia como avaliá-las.
  • O Sistema Supera o Inteligente: Buffett aconselha os investidores de varejo a usar um fundo de índice de baixo custo. Isso permite um ciclo de investimento disciplinado e mantém as emoções longe de corromper esse quadro.
  • Investir no Que Você Conhece: Buffett enfatiza a importância de investir em indústrias com as quais você está familiarizado e cujas características de negócios de longo prazo você se sente competente para julgar.
  • Metas Claras e Simples: Buffett afirma claramente que seu objetivo é fazer investimentos significativos em empresas com características econômicas favoráveis de longo prazo e gerentes confiáveis.
  • Leia Mais para Aprender Mais: Buffett é um ávido leitor e acredita que ler é uma das melhores maneiras de aprender e crescer como investidor.
  • Seja um Escolhedor de Negócios, Não um Escolhedor de Ações: Buffett faz uma distinção clara entre escolher negócios e escolher ações. Ele vê o valor em entender completamente um negócio antes de investir nele.

Livros

Além de ser um dos homens mais ricos, filantropo e o maior investidor do mundo, nesse ínterim, Warren Buffett também lançou alguns livros. São eles:

  • The Essays Warren Buffett: Lessons for Corporate America;
  • Warren Buffett Back to School: Question & Answer Session with Business Students;
  • Warren Buffett Berkshire Hathaway Letters toShareholders 1965-2012
  • Warren Buffett on Business.

Por fim, além das obras de sua autoria, Buffett também indica alguns livros, como por exemplo:

Dessa forma, as obras devem ser lidas por todos aqueles que se interessam pelo mundo financeiro:

Leia também: Gostou de conhecer sobre a vida, a carreira e os investimentos de um dos homens mais ricos e filantrópicos do mundo? Conheça também quais são as Ações pouco visadas que podem explodir na bolsa de valores

John Maynard Keynes: vida e carreira do pai da macroeconomia

Daniel Kahneman: biografia e carreira do Nobel de economia

Jim Simons: quem foi o criador do fundo Medalliou

Anne Werninghaus: quem é essa bilionária brasileira?