Fundos de lajes corporativas: opção, como funcionam e aplicações


Se você é um investidor focado em FIIs (Fundos de Investimentos Imobiliários) é bastante esclarecedor conhecer os fundos de lajes corporativas. Estes fundos representam uma ótima opção para quem tem o objetivo de gerar renda passiva por meio de proventos e dividendos.

A rentabilidade deste fundo é proveniente do aluguel das lajes corporativas. Assim, muitos empresários procuram locar espaços tidos como “Premium”. Ou seja, espaços com pé direito adequado, com gerenciamento predial e boa localização.

Portanto, o investimento nessas construções visam a locação para grandes empresas, e repartições públicas que demandam uma infra-estrutura de alto padrão. Porém, vale lembrar que o mercado imobiliário e a evolução da taxa de vacância, voltados para escritórios corporativos, estão apontando para baixo ( 17,2% índice do Brasil em 2020).

O que são lajes corporativas?

Basicamente, as lajes corporativas, conhecidas também como investimento de tijolo, são áreas bastante amplas destinadas a escritórios, salas comerciais  de alto padrão, e outras atividades. No entanto, elas demandam infraestrutura para o seu funcionamento. Neste sentido, as lajes corporativas seguem um padrão de mercado e passam por avaliações.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Pexels

Assim, estas salas passam por avaliações que vão de C (avaliação inferior) até AAA (nível máximo de avaliação). A propósito, outro fator importante é que o proprietário deste imóvel precisa dessas avaliações positivas para diminuir os níveis de vacância e aumento de atividades.

Porém, atualmente as lajes corporativas passam por um problema que afeta o setor de escritórios, fato que provocou uma queda no setor. Portanto, o que se visualiza hoje é uma queda relacionada diretamente com a pandemia, fato que aumentou a vacância de prédios corporativos.

Como devem ser estes espaços corporativos?

Pexels

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Primeiramente, o proprietário de uma laje corporativa precisa atrair empresas que buscam um espaço para suas atividades. Neste sentido, as lajes corporativas devem preencher alguns requisitos para o atendimento dessa demanda, que são:

  • Áreas amplas e com boa ventilação natural e artificial;
  • Boas instalações elétricas e hidráulicas;
  • Serviços; limpeza, copa, manutenção;
  • Localização otimizada; proximidade com outros centros corporativos, proximidade com residências dos trabalhadores, fácil acesso a transportes;
  • Logística; estacionamento, áreas de descargas;
  • Altura do pé direito;
  • Outros.

Funcionamento dos fundos de lajes corporativas

A princípio, a composição dos fundos de lajes corporativas é o investimento em imóveis direcionados a atividades empresariais e corporativas. Assim, de forma proporcional, a quantidade de cotas do lucro do aluguel é dividida entre os investidores desse fundo. Vale lembrar, que os administradores dos FIIs distribuem os rendimentos mensalmente e que esse fundo de investimento é bastante amplo.

Fundos de lajes corporativas o que são?

Pexels

Portanto, a amplitude desse setor resulta em um portfólio diversificado de imóveis onde o investidor terá suas aplicações. Assim, a vantagem que esta diversificação representa está no fato que estes imóveis serão alugados para grandes corporações. Neste sentido, traz mais solidez e segurança para o investimento pelo porte das empresas locatárias. Ou seja, a consistência das empresas resulta em baixo risco de inadimplência.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Contudo, com o aumento da vacância de prédios corporativos devido à pandemia, muitas companhias estão se reformulando em torno desta questão. Neste sentido, existe atualmente o fator negativo de devolução de parte dos espaços, fato que não se dá da noite pro dia, pois existe o alto custo da desocupação de um escritório.

Efeitos da pandemia e vantagens

A princípio, a pergunta se esta situação econômica e social veio para ficar, resiste. Os empresários do setor têm muitas incertezas quanto ao futuro. Além disso,  é inegável que a situação da pandemia afetou o setor dos FIIs das lajes corporativas comprometendo o rendimento de acionistas.

Fundos de lajes corporativas o que são?

Pexels

Além do mais, seguindo a esse quadro negativo está a negociação abaixo do valor patrimonial destes FIIs.  Este fator foi ocasionado pelo alto nível de vacância no setor. Assim, o resultado desta situação é que hoje você consegue comprar no home broker os FIIs com preços imobiliários mais baixos do valor real. Portanto, toda esta situação indica uma certa desaceleração no mercado de lajes corporativas o que indica a sua desvalorização.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Pontos positivos

  • Isenção do IR sobre o rendimento
  • Fácil reposição de locatário
  • Diversificação de sua carteira
  • Vantagens atreladas ao rating; classificação dada pelos padrões do mercado imobiliário
  • Investimento em imóveis de alto padrão com capital inicial baixo (R$ 100)
  • Ausência de burocracia

Fontes: Suno, Investnews, Genialinvestimentos, FIIs

Imagens: Esa System, Pexels, Pexels, Pexels. Pexels, Pexels


Conte-nos a sua opinião...