Joe Biden, quem é? Carreira e fortuna do presidente dos EUA


Joseph Robinette Joe Biden Jr nasceu no dia 20 de novembro de 1942, em Scranton, na Pensilvânia, EUA. Tendo como pais Catherine Eugenia Biden e Joseph Robinette Biden.

Biden tem graduação em história e ciência política pela Universidade de Delaware. Ele também se formou em direito pela Universidade de Syracuse. O atual presidente dos Estados Unidos é filiado ao Partido Democrata, e é o 46º presidente dos EUA. 

Sendo que entre 2009 e 2017, ele foi vice-presidente nos dois mandatos de Barack Obama. Além disso, antes de ser vice-presidente, ele já tinha exercido dois mandatos consecutivos como senador pelo estado de Delaware.

Vida pessoal de Joe Biden

Durante as férias da faculdade, Biden conheceu Neilia Hunter, sua primeira esposa, em 1964. Dois anos depois, eles se casaram enquanto Biden ainda era estudante de direito. Sendo assim, juntos eles tiveram três filhos: Joseph R. Beau III, Robert Hunter e Naomi Christina. 

No entanto, algumas semanas depois que foi eleito a senador pela primeira vez, Joe Biden sofreu com a morte de Neilia e Naomi em um acidente de carro, no dia 18 de dezembro de 1972.

Seus outros dois filhos, Beau na época com 3 anos e Hunter com 4 anos, também estavam no carro, mas eles sobreviveram e se recuperaram completamente dos ferimentos. Desse modo, na época, Biden pensou em desistir do Senado. No entanto, acabou decidindo continuar no cargo.

Três anos depois, em 1975 Joe Biden conheceu Jill Tracy Jacobs, com quem se casou em 1977. Juntos eles tiveram uma filha, Ashley Blazer, em 1981. Em 2015, Beau morreu depois de dois anos de tratamento contra câncer no cérebro.

Joe Biden, quem é? Carreira e fortuna do presidente dos EUA

Estudos e carreira

Biden concluiu o bacharelado em história e ciência política em 1965 por meio da Universidade de Delaware. Além da graduação dupla em história e ciência política, Biden se graduou ainda em direito pela Universidade de Syracuse, em 1968.

No começo da sua vida política, Biden ficou meio dividido entre o Partido Republicano e o Partido Democrata. Em resumo, ele não concordava com a política racial conservadora de Charles L. Terry, governador de Delaware entre 1965 e 1969.

Em contrapartida, ela também discordava do candidato presidencial republicado, Richard Nixon. No final das contas, ele se filiou ao Partido Democrata, depois de trabalhar como advogado em uma empresa dirigida por Sid Balick, um democrata ativo.

Joe Biden, quem é? Carreira e fortuna do presidente dos EUA

Política

Joe Biden já foi senador, vice-presidente e hoje é o presidente dos EUA. 

1- Biden como senador

Joe Biden foi eleito como senador pelo estado de Delaware, em 1972. A campanha foi feita com pouco dinheiro e um contato próximo ao eleitorado para conseguir votos. Com a vitória, ele se tornou o sexto senador mais novo da história dos EUA. Dessa forma, como senador ele permaneceu por dois mandatos consecutivos, entre 1973 e 2009.

Nos primeiros anos como senador, suas pautas estavam voltadas sobretudo para a legislação de proteção ao consumidor e questões ambientais. Durante muitos anos Joe Biden foi membro do Comitê do Senado sobre o Judiciário e o presidiu entre 1987 e 1996.

Além disso, ele fez parte do Comitê de Relações Exteriores entre 1987 e 1995. No contexto de guerra-fria, Biden teve divergências com o então presidente Ronald Reagan. Isso porque Biden era a favor de acordos para a limitação do poderio bélico dos EUA e União Soviética.

Inscreva-se na Pior Newsletter Possível!

Receba os melhores conteúdos (ou não) gratuitamente!

Usamos a Sendinblue como nossa plataforma de marketing. Ao clicar abaixo para enviar este formulário, você reconhece que as informações fornecidas por você serão transferidas para a Sendinblue para processamento, de acordo com o termos de uso deles

Já nos governos de George H. W. Bush e Bill Clinton, Biden defendeu a intervenção dos EUA nas Guerras Iugoslavas. Biden foi contra a Guerra do Golfo em 1991 e apoiou a Guerra do Afeganistão em 2001 e a Guerra do Iraque em 2002. Joe Biden se candidatou à presidência em 1988, mas desistiu nas primárias democratas depois de problemas na campanha.

Posteriormente, em 2008 ele se candidatou de novo. Sendo assim, dessa vez ele concorreu contra Barack Obama e Hillary Clinton nas primárias. Contudo, nas primeiras prévias ele deixou a disputa. Entretanto, como ele tinha uma grande força com os eleitores da classe trabalhadora, Obama o convidou para ser vice-presidente e assim os dois foram vitoriosos.

2- Vice-presidente

Joe Biden foi vice-presidente nos dois mandatos de Barack Obama. Ele assumiu um papel importante nos bastidores do governo e conseguiu apoio do Senado para diversas pautas legislativas. Ele também atuou como supervisor dos gastos do pacote de estímulos de Obama.

Em síntese, esse pacote tinha como intuito combater a grande recessão causada pelo colapso do mercado imobiliário nos EUA, nos fim dos anos 2000. Além disso, ele se envolveu com as relações entre EUA e Iraque e visitou o país várias vezes.

No segundo mandato de Obama, Biden buscou aumentar o controle da venda de armas de fogo nos Estados Unidos. No entanto, ele enfrentou uma forte resistência do congresso. Ele também negociou acordos para cortes de impostos e o aumento de tributos para os mais ricos.

3- O presidente Joe Biden

Depois de atuar como vice-presidente, Biden se tornou professor na Universidade da Pensilvânia. Sendo que ele manteve uma postura de oposição ao presidente Donald Trump. Logo, em 2019 ele anunciou a sua candidatura à eleição de 2020 e escolheu a senadora Kamala Harris para ser a vice-presidente.

Nas eleições presidenciais de 2020, Trump se candidatou para a reeleição, mas Biden ganhou. Em sua campanha presidencial, Biden apostou em quatro setores principais: 

  1. Economia: A proposta de Biden é estimular a economia dos EUA. Isso será feito por meio de incentivos fiscais para o investimento na produção nacional.
  2. Saúde: Biden disse que pretende retomar e expandir o Obamacare.
  3. Meio ambiente: A intenção é apoiar energias renováveis e colocar os EUA novamente no Acordo de Paris. 
  4. Imigração: Por fim, Biden disse ainda que pretende voltar atrás nas políticas de Trump que separavam as famílias imigrantes. Sendo assim, o seu objetivo é facilitar os vistos de trabalho em alguns setores e parar a construção do muro com o México.

Joe Biden, quem é? Carreira e fortuna do presidente dos EUA

Fortuna de Joe Biden

O poder e o dinheiro, muitas vezes, andam juntos. Contudo, Donald Trump, o primeiro presidente bilionário que os EUA teve, perdeu as eleições presidenciais para Biden, que tem uma fortuna de cerca de 277 vezes menor. Donald Trump tem uma fortuna de cerca de US$ 2.5 bilhões. Por outro lado, a fortuna de Biden é de US$ 9 milhões. 

É claro que Biden tem um patrimônio considerável. Entretanto, a fortuna de Trump é bem maior. Inclusive, teve uma época em que Biden era conhecido como “o homem mais pobre do Congresso”. Apesar disso, os bilhões de Trump não foram suficientes para que ele continuasse na Casa Branca por mais 4 anos.

A maior parte da fortuna de Biden está nos imóveis que ele comprou há anos e que se valorizaram com o passar do tempo. Além disso, parte de sua fortuna deriva de palestras, cursos e publicações de livros. 

Poder 360

Na época em que começou a sua carreira na política, quando foi eleito senador, ele recebia inicialmente US$ 42.500 por ano. Em 2009 ainda como senador, ele já recebia mais de US$ 169 mil. Como vice-presidente de Barack Obama, ele recebia em média US$ 225 mil por ano.

Por fim, como presidente, Joe Biden receberá um salário anual de US$ 400 mil. Ele terá ainda um subsídio extra de US$ 50 mil por ano, conta de viagem de US$ 100 mil e mais US$ 19 mil para entretenimento. Sendo que apenas o salário presidencial é tributável.

Enfim, gostou de conhecer a biografia e fortuna de Joe Biden? Então aproveite para ler sobre: Paulo Guedes, Henrique MeirellesSalim Mattar, quem é? Infância, carreira, Localiza e política

Conte-nos a sua opinião...