Stark Bank: o que faz a startup brasileira que recebeu investimento de Jeff Bezos?


A Stark Bank é uma fintech com foco nas médias e grandes empresas. A empresa recentemente virou notícia, pois foi a primeira startup brasileira a receber investimento de Jeff Bezos, um dos homens mais ricos do mundo.

Sendo assim, no texto de hoje eu vou te contar sobre o investimento feito por Jeff Bezos e sobre a atuação da empresa.

Primeira startup brasileira a receber investimentos de Jeff Bezos

A Stark Bank anunciou uma captação de US$ 45 milhões em uma série B.

A rodada de investimentos teve a liderança da Ribbit Capital, o fundo mundial de investimento em fintechs, que já investiu em outras startups brasileiras como, por exemplo, o Nubank, Conta Azul e Cora.

Além disso, a rodada da Stark Bank teve a participação da Bezos Expeditions. Sendo que este foi o primeiro investimento do family office de Jeff Bezos em uma startup brasileira.

Uma curiosidade é que, agora, Bezos possui 2 investimentos na América Latina. Isso porque ele já tinha investido na empresa NotCo, uma foodtech chilena com produtos à base de plantas.

Outras empresas de peso também entraram na rodada da Stark Bank. Por exemplo, a SEA Capital, o braço de investimentos da Sea (grupo de Singapura dono da Shopee e do Free Fire), também investiu na Stark Bank.

Por fim, os fundadores da Airbnb e do Kavak, bem como Lachy Groom (ex-funcionário da gigante de pagamentos Stripe), e o K5 Global aplicaram na Stark Bank.

Vale destacar que, há menos de 6 meses, a empresa fez uma série A onde captou US$ 13 milhões. Sendo que a série A contou com o investimento de Lachy Groom e de outros fundadores de unicórnios como Rapi, Wildlife e Coinbase.

O que será feito com o dinheiro?

A intenção com os recursos obtidos é oferecer mais crédito e lançar novas funcionalidades. Isso inclui a entrada em adquirência para viabilizar os pagamentos por cartão dos clientes que fazem vendas online.

Vale destacar que a Stark Bank está criando uma vertical chamada Star Infra, que irá atuar como uma fintech as a service.

Sendo assim, a empresa vai oferecer infraestrutura para clientes que desejam emitir cartões com a própria marca e serviços como Pix, além da emissão de Cédulas de Crédito Bancário.

De acordo com Rafael Stark, CEO e fundador da Stark Bank: 

“Estamos criando do zero o banking do futuro, reinventando a experiência das grandes empresas e criando um ecossistema que permita que nossos clientes façam qualquer operação bancária dentro da nossa plataforma. Além das operações transacionais, entregamos dashboards, controle de gastos, conciliação e gestão financeira, o que permite às empresas tomar decisões a partir de dados”.

Enfim, a intenção da empresa é, basicamente,  usar os novos investimentos para se tornar o principal banco das grandes empresas.

O que a Stark Bank faz?

A Stark Bank é um banco digital com foco nas médias e grandes empresas. A fintech foi criada pelo desenvolvedor brasileiro Rafael Stark.

O objetivo da empresa, portanto, é ser o banco digital das grandes empresas. Contudo, quando Stark fundou a startup em 2019, a intenção não era fundar um banco.

Na verdade, a ideia original era oferecer APIs para facilitar o trabalho de empresas que precisam processar muitos pagamentos ao mesmo tempo.

A solução logo passou a ser adotada por startups como o Buser, que usa a Stark Bank para vender as passagens. Com o tempo, Rafael notou o potencial de transformar a empresa em um banco.

Desse modo, aos poucos, a companhia foi conquistando clientes conhecidos como, por exemplo, Quinto Andar, Loft e Daki. Enfim, hoje em dia, a startup oferece vários serviços, tais como:

  1. Gestão por centro de custos.
  2. Câmbio.
  3. Folha de pagamentos.
  4. Soluções de cash management que facilitam os pagamentos e estão integrados aos softwares de gestão (ERPs).
  5. Cartão corporativo que pode ser customizado pelos clientes.
  6. Cobrança via boleto e Pix.

Enfim, gostou de saber sobre o investimento do Jeff Bezos em uma startup brasileira (via Globo e Forbes)? Então aproveite para conferir também 7 lições de Benjamin Graham.

Além disso, você pode gostar de descobrir quem é a mulher mais rica do Brasil e quanto dinheiro você deve investir na bolsa de valores.

Bibliografia:

Stark Bank é primeira startup brasileira a receber investimentos de Jeff Bezos. Forbes. Acesso em: 13 de abril de 2022.

Conte-nos a sua opinião...