A estratégia que pode render 200% de ganhos em ações!

A intenção ao investir na bolsa de valores é ter altos rendimento. Mas você sabia que existe uma estratégia para render 200% em ações?

7 de março de 2022 - por Jaíne Jehniffer


De maneira geral, a intenção ao investir na bolsa de valores é ter altos rendimentos. Mas você sabia que existe uma estratégia que pode render 200% em ações? É isso o que vou te ensinar no texto de hoje.

Estratégia para render 200% em ações

Para colocar essa estratégia em prática, você deve seguir algumas etapas:

1- Segurança em primeiro lugar

Quando a gente pensa em uma estratégia de um investidor que atingiu resultados extraordinários, nós imaginamos que de alguma forma, ele também tomou riscos extraordinários.

Afinal de contas, quanto mais risco a gente corre, maiores são as chances de altos ganhos. É a velha relação entre risco e retorno.

No entanto, ao analisarmos os grandes investidores, podemos notar que a segurança é levada em conta. Sendo que, para isso, devemos considerar investidores que conseguiram bons resultados durante muitos anos.

Por exemplo, Peter Lynch atingiu um retorno médio de 29,2% ao ano, durante 13 anos.

Para você ter uma ideia do quanto esse retorno é alto, se você tivesse investido R$ 1.000 por mês durante 30 anos com um retorno médio de 29,2% a.a, você teria R$ 103.020.695,01 ao final do período.

Foi por isso que entre 1977 e 1990, o Fundo Magellan foi considerado um dos melhores do mundo.

Isso porque, ele obteve retorno superior a 99,5% dos outros fundos, nos seus últimos 5 anos de Peter Lynch como gestor do Fundo.

O fundo de Peter Lynch chegou a ter 1400 ações. Isso significa um nível de diversificação absurdo. Sendo que eram ações de diferentes países e tipos de ativos diversos.

É claro que nesse nível de diversificação, o efeito de uma ou outra empresa quebrar, ou subir em excesso, é quase nulo. Por isso, é difícil entender como Peter Lynch performou tão acima do mercado com tanta diversificação.

2- Estratégia que pode render 200% ações: combinação de estratégias

Se o primeiro pilar da estratégia para render 200% em ações é a segurança, talvez você esteja se perguntando se a ideia é investir apenas em empresas estabelecidas. É aqui que mora o segredo.

É preciso de uma boa análise de risco. Dessa forma, você pode se arriscar para tirar o maior proveito desse risco. A tendência geral dos investidores é criar uma carteira sempre 8 ou 80.

Isto é: ou 100% segura ou 100% arriscada. Isso porque, eles avaliam que de alguma maneira, isso tem alguma relação com sua personalidade.

No entanto, correr riscos da maneira correta é saudável. A ideia aqui é optar por uma carteira segura, mas temperada com risco. Por exemplo, você pode ter 85% em empresas seguras e 15% em empresas de alto risco.

Ou seja, a ideia é priorizar a segurança. Contudo, você não precisa ter uma carteira 100% focada em empresas seguras. Ao invés disso, você pode dar uma temperada na carteira com empresas mais arriscadas.

3- Risco precisa ser arriscado

A tendência das pessoas ao montarem uma carteira segura, é procurar empresas com baixo risco na hora de temperar a carteira. Essa é uma parte essencial na estratégia que pode render 200% em ações.

Se a sua carteira já é segura, então na hora de arriscar, é preciso arriscar de verdade. Não adianta ficar procurando baixo risco justo na hora de tomar risco.

Ao invés disso, a parte da sua carteira destinada a riscos, deve realmente ser arriscada. Essa é a parte da carteira onde o alto risco pode trazer altos retornos.

Lembre-se: essa é uma pequena parte da sua carteira. Logo, se você perder, você vai perder pouco. Mas se você ganhar, você pode ter altos lucros.

Foi com base nessa lógica que Raul Sena, o Investidor Sardinha, investiu em empresas como activision blizzard e Sinqia.

Vale destacar, que ao longo do tempo, essas duas empresas se valorizaram muito, mas o Raul não desfez a sua posição. Talvez você esteja se perguntando o porque ele não vendeu na alta para ficar com os lucros.

Mas o fato é que o Raul não investe em ações com a mentalidade de ganhar dinheiro com a venda dos papéis. Na verdade, o seu objetivo é construir patrimônio.

Ou seja, é essencial que ao investir, você tenha um objetivo claro em mente. Com isso, você direciona as suas atitudes em prol da realização desse objetivo.

4- Vale a pena fazer gestão ativa?

Não. Os investidores que não mexem em seu investimento tendem a ter um retorno maior do que aqueles que fazem gestão ativa da carteira.

Um dos motivos para isso, é que neste tipo de gestão você teria que acertar mais vezes nas empresas que vão trazer altos retornos.

Outra questão são os custos. Se você vende suas ações para investir em outras, você precisa arcar com o imposto de renda, por exemplo.

Portanto, na estratégia que pode render 200% em ações é preciso optar pela gestão passiva. Nela você investe em boas empresas e reinveste os proventos. Sempre com foco no longo prazo.

Para entender mais sobre isso, assista ao vídeo de Raul Sena, o Investidor Sardinha:

E aí, gostou de aprender a estratégia que pode render 200%? Então aproveite para conferir também: Títulos de Renda Fixa pagando 14% ao ano. Chegou a hora de investir?

Fonte: Roteiro de Raul Sena.

O que acontece se não declarar o Imposto de Renda? Testei na PRÁTICA!

Fazer faculdade no Brasil vale a pena? A realidade é difícil de engolir

Ibovespa caindo! – Onde estou investindo para proteger o meu dinheiro?

A enorme BOMBA que pode enterrar de vez o Brasil