Montante, o que é? Definição e cálculos para juros simples e compostos


O montante pode ser definido como o resultado final de uma operação financeira. Dessa maneira, o cálculo do montante serve para determinar qual será o valor acumulado de uma aplicação financeira.

No cálculo do montante é levado em consideração o capital inicial, os juros e o tempo, sendo que o capital inicial é o dinheiro inicialmente aplicado. Já os juros podem ser simples ou compostos, e a fórmula para calcular o montante de cada um é diferente.

Isso porque, enquanto os juros simples levam em consideração apenas o capital inicial, o tempo e a taxa de juros acordada na hora de realizar a operação, os juros compostos leva em consideração também os juros rendidos no período.

O que é montante

Montante é o sinônimo de valor acumulado. Além disso, ele é considerado como um dos conceitos básicos da matemática financeira.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Em resumo, com o cálculo do valor acumulado podemos perceber a variação que determinada quantia investida sofre ao longo do tempo de aplicação. 

Finance one

Portanto, o montante é o resultado futuro de uma operação financeira. Desse modo, em seu cálculo é levado em consideração o valor inicial do capital e os juros do período calculado. 

O cálculo do montante pode ser realizado ao se fazer um investimento, funcionando assim, como uma ferramenta de planejamento financeiro.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Em investimentos de renda fixa, onde o rendimento é acordado no momento de investir, é importante realizar o cálculo do montante. 

Como calcular o montante

O cálculo do montante leva em consideração a aplicação inicial, o tempo e os juros. No entanto, existem dois tipos de juros:

1- Juros simples

No juros simples é levado em consideração apenas o capital inicial e a taxa de juros acordada. Além disso, o juros simples normalmente é usado em situações de curto prazo.

E-investidor

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O valor da taxa de juros simples depende, principalmente, do tempo que o dinheiro fica aplicado. Nessa situação temos duas figuras, o credor, que é quem emprestou o dinheiro e consequentemente, é quem vai receber os juros. E ainda o devedor, quem vai pagar os juros.  

Para realizar o cálculo do montante de juros simples, precisamos multiplicar o capital inicial (C) pela taxa de juros em termos percentuais (i) e ainda o tempo (T). Em outras palavras, temos que calcular Juros (J) = C x i x T e no final somar o resultado com o capital inicial. 

Montante, o que é? Definição e cálculos para juros simples e compostos

Bom pra crédito

Vamos para um exemplo prático do cálculo do montante: Suponhamos que você tenha emprestado 2 mil reais, por um juros de 10% ao ano. Além disso, considere também que você vai emprestar o dinheiro por 2 anos. 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Aplicando a fórmula ao exemplo, temos: 2000 x 0,10 x 2 o que resulta em 400. Em conclusão, os juros a serem recebidos será de R$ 400,00 e o montante será os R$ 400, 00 mais o valor inicial emprestado.

2- Juros compostos

Para calcular o montante com juros compostos, precisamos primeiro entender como esse tipo de juros funciona. Os juros compostos são também conhecidos como juros sobre juros.

Isso porque, na sua rentabilidade é levado em consideração não apenas o capital inicial aplicado e a taxa de juros estabelecida, mas também os juros que já tiverem rendido até então. 

Os juros compostos são maravilhosos para quem está investindo em renda fixa. Afinal, vários investimentos usam os juros compostos, como por exemplo, o tesouro direto, os CDBs, as LCAs e os LCIs

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Montante, o que é? Definição e cálculos para juros simples e compostos

Iq

Por outro lado, os juros compostos podem ser considerados como vilão por algumas pessoas. Isso porque, ele funciona como uma bola de neve, e enquanto isso é maravilhoso para os investimentos, para as dívidas são um verdadeiro pesadelo.

Enfim, a principal diferença entre os juros simples e os juros compostos, é que o simples leva em consideração apenas o capital inicial investido. Já o composto considera também os juros que vão rendendo.

Portanto, como os juros compostos funcionam de maneira diferente dos juros simples, ele possui uma fórmula de montante própria. Dessa maneira, temos a seguinte equação: M = C (1+i) ^(t).

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Montante, o que é? Definição e cálculos para juros simples e compostos

Azulis

Na composição dessa fórmula temos:

  • M = Montante
  • C = Capital inicial 
  • i = Taxa de juros (em valor decimal)
  • t = Tempo de duração da operação

Enfim, agora que você já aprendeu a calcular o montante, aprenda também sobre Econometria, o que é? Definição, como funciona, premissas e cálculos

Fontes: Mais retorno,  Suno e idinheiro

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Imagens: Nx fácil, E-investidor, Finance one, Bom pra crédito, Iq e Azulis


Conte-nos a sua opinião...