O que é inverno cripto: tudo o que você precisa saber sobre ele!


Se você investe em criptomoedas, já deve ter percebido que o universo das criptos é cheio de termos importantes. Um deles é o termo inverno cripto.

Entender este termo é essencial para que você compreenda o ciclo dos preços das criptos. Isso porque o inverno cripto é um período marcado por queda nos preços das criptomoedas.

Sendo que basta uma cripto passar por uma correção para que as pessoas comecem a questionar se o inverno cripto chegou. E é exatamente isso o que está acontecendo no momento.

O que é inverno cripto?

As criptomoedas passam por grandes oscilações de preço. Apesar disso, é possível notar que as criptos passam por um ciclo de: euforia, depressão, esperança, otimismo e crença.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Com a halving do Bitcoin, esse ciclo fica bem evidente. Em resumo, o halving é um evento programado que serve para dar escassez ao Bitcoin.

Desse modo, no halving, que ocorre mais ou menos a cada 4 anos, a emissão de Bitcoin cai pela metade. Com isso, a emissão do Bitcoin fica menor, o que ajuda na sua escassez.

Esse evento ocorre a cada 4 anos, porque Satoshi Nakamoto, criador do Bitcoin, determinou que a cada 210 mil novos blocos gerados (o que leva cerca de 4 anos), a recompensa aos mineradores será reduzida em 50%.

o que é inverno cripto

Como o halving causa escassez, o preço do Bitcoin tende a passar por um ciclo de alta. Porém, depois que esse ciclo passa, entra em ação o inverno cripto, onde ocorrem grandes quedas no mercado.

Essas quedas podem ocorrer por vários motivos como, por exemplo, uma grande quantidade de pessoas querendo reaver seus lucros.

Até mesmo a elevação da taxa de juros por parte do governo para conter a inflação, pode afetar o preço das criptos no curto prazo. Com a forte queda dos preços, as pessoas podem ter altos prejuízos.

Desvalorização do Bitcoin

No momento, o Bitcoin está passando por uma grande queda. Inclusive, é por isso que as pessoas estão falando tanto de inverno cripto.

Existem muitos motivos para essa queda. Sendo que podemos destacar 3 fatores que estão relacionado com essa queda:

  • Técnico;
  • Computacional;
  • Confiança.

O aspecto técnico está relacionado com o halving do Bitcoin. Com o halving a tendência é que os preços subam muito.

No entanto, o poder de halving está ficando cada vez menor. Isso porque, a cada novo halving a quantidade de Bitcoins se torna menor e o espaço para alta também.

Ou seja, o seu preço não está mais mudando tanto quando acontece um halving. É claro que os preços do Bitcoin ainda variam bastante. Mas o halving deixou de ter um impacto tão grande nos preços.

Em relação ao aspecto computacional, que está ligado ao inverno cripto, o Bitcoin consome muita energia. Quando ele foi criado, as pessoas conseguiam minerar Bitcoins em casa.

Contudo, atualmente, são as grandes empresas que montam estruturas voltadas para isso. Sendo que essas empresas precisam se estabelecer em locais com energia barata, já que eles consomem muito.

É por isso que muitas empresas se estabeleceram em locais como a China. Entretanto, em 2021 a China proibiu a mineração e as transações de Bitcoin em seu território.

Com isso, essas empresas precisaram se mudar para outros países, sobretudo para os EUA e o Cazaquistão. Porém, o Cazaquistão se tornou um país instável por uma série de fatores e tomou a medida extrema de cortar a internet.

Isso afetou bastante a mineração de Bitcoins, já que muitas empresas estavam neste país. Por fim, tivemos a queda na confiança na valorização do Bitcoin.

Como se proteger do inverno cripto?

Agora que você já sabe o que é inverno cripto, deve estar se perguntando como se proteger, certo? Afinal de contas, ninguém quer perder dinheiro.

As atitudes que você pode tomar para se proteger do inverno cripto vão depender do seu perfil de investidor.

Por exemplo, se o seu foco é investir para o longo prazo, a baixa dos preços pode ser um bom momento para comprar mais criptos.

Por outro lado, quem destina uma parte da sua carteira de criptos para especulação pode vender algumas criptos e ficar com outras.

A decisão entre manter ou vender a cripto, vai depender do seu perfil e objetivos. Além disso, lembre-se de levar em conta as características da cripto e a sua relação com a queda de preços.

Por exemplo, uma cripto pode passar por uma desvalorização, mas continuar com as suas características principais. Nesse caso, o preço pode ter mudado, mas o valor da cripto continuou o mesmo. 

Enfim, assista ao vídeo de Raul Sena, o Investidor Sardinha, a entenda mais sobre o inverno cripto:

Agora que você sabe o que é inverno cripto, leia também: como comprar Bitcoin, fim do Bitcoin, cruz da morte do BitcoinMinerar Bitcoin compensa? Quanto rende em 1 semana?


Conte-nos a sua opinião...