Juros nominais: o que são, para que serve e como calcular

O conceito de taxa de juros nominais é relacionado à ideia de juros aparente. Neste sentido, é o valor aparente do lucro do investidor em um determinado investimento.

26 de setembro de 2021 - por Pedro Guimarães


A rentabilidade de ativos no mercado financeiro é influenciada por diversos fatores, a taxa de juros nominais é um deles. O conceito de taxa de juros nominais é relacionado à ideia de juros aparente. Neste sentido, é o valor aparente do lucro do investidor em um determinado investimento.

Contudo, os juros aparente são os juros discriminados no investimento, sem considerar a taxa de inflação de um determinado período. Assim, não podemos estipular um valor por meio do juro aparente, pois existe o efeito da inflação que incide sobre o rendimento final.

Juros nominais e juros reais

Juros nominais, o que são: importancia, exemplos e juros reais

Economus

Primeiramente, a taxa de juros real é o pagamento de juros acima da inflação. Em um caso de investimento de 5% como taxa de juros nominais, se a inflação do período for é de 3%, o juros real é de 2%.

Portanto, obviamente o investidor sempre irá focar nos juros reais, pois é um indicativo que representa o seu ganho líquido real. Assim, é preciso saber a verdadeira rentabilidade do investimento sem o desgaste da inflação.

Por outro lado, os juros nominais expressam o rendimento de um investimento em sua forma bruta no período da aplicação. Os juros nominais são muito encontrados em contratos de empréstimos, financiamentos e aplicações financeiras.

Cálculo dos juros nominais

Juros nominais, o que são: importancia, exemplos e juros reais

Endeavor

Basicamente, os juros nominais são a soma da inflação e dos juros reais. No entanto, a taxa de juros nominais serve de base para o cálculo de juros reais. A propósito, a inflação integrada ao cálculo dos juros nominais aparece de duas formas: no regime regressivo e no regime progressivo.

A princípio, no regime regressivo a inflação consta conforme o IPCA (índice nacional de preço ao consumidor amplo) acumulado nos últimos doze meses.

Por outro lado, no regime progressivo, a fonte de cálculo é feita no relatório Focus produzido pelo Banco Central, como estimativa futura. Vale lembrar que neste relatório está o demonstrativo das expectativas de mercado a respeito de alguns indicadores da economia brasileira.

Podemos concluir que a taxa de juros nominal é um valor estimado e especificamente alto no Brasil, o que atrai muitos investidores estrangeiros.

Qual a importância do conhecimento da taxa nominal

Juros nominais, o que são: importancia, exemplos e juros reais

guia Bolso

A importância do conhecimento dos juros nominais, incide na escolha de um investimento e em uma tomada de crédito. Assim, ele é um dado que está atrelado ao tipo de investimento.

Portanto, quando você quer escolher investir na poupança ou no tesouro direto é importante saber que a inflação nos dois casos é a mesma. Porém, a rentabilidade oferecida em cada uma das aplicações varia muito.

A propósito, outro fator importante que está relacionado ao conhecimento da taxa nominal é que a partir desta taxa que se calcula a taxa real. Desta forma, com todos os dados conhecidos a análise sobre os investimentos fica mais completa. Assim, é possível decidir a melhor opção e o momento mais adequado para investir.

Alguns exemplos de taxa nominal

Um cenário econômico é positivo quando você tem uma oportunidade de um investimento com 25% de rentabilidade ao ano. Portanto, com este índice de taxa de juros nominais, conclui-se que é uma situação muito atrativa.

Contudo, é importante saber que esse valor é um pouco ilusório. Ou seja,  precisa ser descontado o valor da inflação do período para saber o quanto o dinheiro valorizou mesmo, na hora de receber.

Neste sentido, se a inflação do período for de 5% a valorização real deste investimento é de 20%, descontando os 5% da inflação.

Causas da inflação

Juros nominais, o que são: importancia, exemplos e juros reais

Sunos

Os cálculos sobre a inflação influenciam tanto a taxa de juros real como a taxa de juros nominal. No entanto, a inflação é calculada de acordo com IPCA e possui três causas importantes:

  • Inflação crônica: Ocorre em países que enfrentam crise em cenário de hiperinflação, ocorreu no Brasil entre 1980 e 1990. Basicamente é a inflação com origem na própria crise inflacionária.
  • Excesso de demanda: Quando a demanda é maior que a oferta. Assim ocorre a inflação para evitar a escassez e proporcionar o aumento da margem de lucro
  • Aumento do custo de matéria-prima: Esta inflação ocorre quando os insumos de fabricação de um produto ficam mais caros. Em um exemplo simples, o aumento do barril de petróleo influencia o aumento de preço dos derivados, como gasolina, óleo diesel e outros.

Em síntese, até aqui podemos concluir que a taxa de juros nominais influencia bastante o mercado de investimentos. Contudo, se você quer continuar aprendendo sobre este tema você precisa ler também: Taxa nominal o que é? Cuidados e diferenças entre taxa real

Imagens: Jusbrasil, Economus, Endeavor, Dreamstime, Suno, Guia Bolso

8 dicas do que fazer com a restituição do IR

Como comprar euro mais barato

As dívidas mais comuns entre os brasileiros e como evitá-las

Programa de fidelidade: o que é, como funciona e exemplos