O que são growth stocks: como encontrar ações que podem crescer?


Quando investimos, estamos esperando por bons retornos. Nesse sentido, as growth stocks podem ser interessantes. Afinal de contas, elas são as ações com grande crescimento.

Ao investir em growth stocks, a ideia é escolher ações de empresas com potencial de crescimento. A tendência é que quando a receita de vendas e o lucro da empresa subir, as ações se valorizem.

Desse modo, é com essa valorização que você pode ter lucros elevados. Outra estratégia muito conhecida, é o value investing. Neste caso, o foco está em ações de boas empresas negociadas abaixo do seu valor real.

O que são growth stocks?

As growth stocks são as ações de crescimento. Na estratégia de growth investing, o investidor procura por ações de empresas com potencial de crescimento.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Sendo assim, o preço da ação e a distribuição de dividendos não é tão importante. O que importa é o potencial de crescimento da empresa e a geração de lucro com a alta nos preços das ações. 

Não são todas as empresas com potencial de crescimento que crescem rápido. Entretanto, muitas delas dobram a sua receita e lucratividade em um curto espaço de tempo.

Alguns exemplos de empresas que tiveram um grande salto de crescimento nas últimas décadas foram: Amazon, Google, Apple e Facebook (atual Meta).

Os investidores em crescimento, de maneira geral, aplicam em empresas jovens ou pequenas, isto é, as small caps. Isso ocorre pois esse tipo de empresa pode apresentar um alto crescimento em um curto período de tempo.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Um dos motivos para os dividendos não serem tão importantes é justamente porque essas empresas jovens ou pequenas reinvestem em seu crescimento.

Ou seja, ao invés de distribuir os lucros, elas investem para que possam crescer mais.

Investimento em growth

A estratégia de investir em growth stocks pode proporcionar grandes lucros.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Isso porque, se você investir em ações de crescimento que realmente apresentem o crescimento esperado, você pode ter grandes lucros com a valorização dos papéis.

No entanto, essa é uma estratégia com uma certa dose de risco. Afinal de contas, pode acontecer da empresa não apresentar o crescimento esperado.

No caso de empresas jovens ou pequenas, pode acontecer também da empresa quebrar e o investidor ficar no prejuízo. Enfim, algumas características das growth stocks são:

  • Múltiplos de preço alto;
  • Maior volatilidade;
  • Maior risco;
  • Não pagam proventos.

Além de investir diretamente em growth stocks, existe ainda a opção dos fundos de growth stocks. Em resumo, esses fundos são aqueles que investem sobretudo em ações de empresas com potencial de crescimento.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A vantagem é que você conta com um gestor que irá analisar as ações. A desvantagem são os custos e os riscos.

O que são growth stocks: como encontrar ações com potencial de crescimento?

Grandes nomes do growth investing

Philip Fisher é um dos maiores nomes do growth investing. De fato, ele é considerado o pai do investimento em crescimento.

Em seu livro Ações comuns, lucros extraordinários, ele lista 15 pontos que devem ser considerados na procura por growth stocks:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
  1. A empresa tem produtos ou serviços com potencial de se manter no mercado por muitos anos?
  2. A empresa desenvolve frequentemente novos produtos ou serviços para fomentar o potencial de vendas?
  3. Há esforço em pesquisa e desenvolvimento proporcional ao tamanho da empresa?
  4. A empresa possui estrutura de vendas acima da média?
  5. A empresa tem uma boa margem de lucro?
  6. O que a empresa está fazendo para manter ou aumentar sua margem de lucro?
  7. Seus funcionários gostam de trabalhar lá?
  8. A empresa possui boas relações executivas?
  9. A gestão da empresa é transparente quando necessário?
  10. Lida bem com análise e controle de gastos?
  11. A empresa possui diferenciais em relação à concorrência?
  12. A companhia tem perspectiva de lucrar a longo ou curto prazo?
  13. A empresa tem capacidade de financiar seu negócio sozinha? Ou precisa emitir mais ações para isso?
  14. A empresa é transparente a qualquer custo com seus investidores?
  15. A integridade administrativa da empresa é questionável?

Vale destacar que o próprio Philip Fisher disse que é difícil que uma empresa atinja os 15 pontos. Contudo, quantos mais pontos melhor.

Outro nome bastante conhecido no growth investing é Peter Lynch. Sendo que ele foi pioneiro no modelo híbrido de crescimento e investimento em valor.

Esse modelo híbrido é conhecido como growth at a reasonable price (GARP). Em síntese, trata-se de uma estratégia que busca aliar os princípios do growth investing com o value investing.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Growth stocks versus value stocks

As growth stocks são as ações de crescimento. Sendo assim, ao aplicar nelas, a intenção não é lucrar com proventos e afins. Portanto, o intuito é lucrar com a valorização das ações.

Por outro lado, as value stocks são as ações de valor. O foco da estratégia de value investing é encontrar ações de boas empresas que estejam sendo negociadas abaixo do seu real valor.

Dessa forma, o lucro deriva da valorização das ações até o valor real.

No mundo dos investimentos, o growth stocks é tido como uma abordagem mais ofensiva. Isso porque, existem uma tentativa mais ativa de gerar lucros com o capital aplicado.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Já o value investing é considerado uma abordagem mais defensiva, já que ele tende mais para o investimento em ações de primeira linha que pagam dividendos, o que gera renda passiva.

O que são growth stocks: como encontrar ações com potencial de crescimento?

As duas estratégias têm alguns pontos opostos. Por exemplo, o growth investing foca no potencial futuro da empresa e não dá muita ênfase ao preço atual.

No value investing, o foco está em comprar ações de boas empresas, com preço baixo. No growth investing não importa se as ações estão com preço acima do valor intrínseco.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O importante é que exista o potencial de valorização acima do atual valor de mercado. Enfim, uma estratégia não é melhor do que a outra.

A escolha vai depender dos seus objetivos e perfil de investidor. Inclusive, você pode usar as duas estratégias de modo complementar.

Como analisar o potencial de crescimento de uma empresa?

Não existe uma fórmula absoluta para analisar uma empresa e avaliar o seu potencial de crescimento. No entanto, alguns métodos e critérios podem te ajudar nessa análise.

Para a National Association of Investors Corporation (NAIC), uma boa forma de avaliar o potencial de crescimento de uma empresa é por meio de 3 questões:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

1- O crescimento é consistente? Para responder a essa pergunta, leve em conta o histórico de crescimento da empresa nos últimos 5 ou 10 anos.

2- Existem perspectivas de grande crescimento? É interessante que a projeção de crescimento anual para os próximos 5 anos seja de, pelo menos, 10% e o ideal seria 15%.

Tenha cuidado com esse critério. Como ele é apenas uma estimativa, ele pode não se realizar.

O que são growth stocks: como encontrar ações com potencial de crescimento?

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

3- Os gestores fazem uma boa gestão de custos e lucros? Sem uma boa gestão, mesmo que uma empresa tenha um crescimento nas vendas, os lucros podem não ser satisfatórios.

Desse modo, nessa etapa você pode usar a margem de lucro, o ROE e o ebitda para avaliar a empresa.

Além disso, ao estudar uma empresa, você pode usar uma Análise Fundamentalista, o que é? Conceitos, cálculos e como aplicar

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Conte-nos a sua opinião...