6 Dicas de como fazer um planejamento financeiro para médicos


O planejamento financeiro para médicos é essencial para que o negócio tenha sustentabilidade. Sendo que o planejamento financeiro é uma ferramenta indispensável para qualquer empresa.

Isso porque, por meio do planejamento, é possível gerenciar melhor os gastos e receitas da clínica, com foco no seu crescimento.

Afinal de contas, para que uma clínica cresça, ela deve ter receitas suficientes para custear as suas despesas e investir no crescimento.

6 dicas de planejamento financeiro para médicos

Algumas dicas para fazer um planejamento financeiro são:

1- Controle financeiro

Ter um controle financeiro é um passo muito importante para o seu planejamento financeiro. Sendo que esse controle envolve conhecer as despesas e as receitas dos negócios.

Por exemplo, sem saber quais são as despesas da empresa, como você saberá o quanto ela precisa faturar para arcar com os custos do seu funcionamento?

Além disso, sabendo quais são as despesas e receitas do negócio, você é capaz de identificar quais gastos podem ser reduzidos.

Em resumo, com um bom controle financeiro, a sua clínica médica pode ter os seguintes resultados:

  • Compreender os seus gastos;

  • Evitar pagar as contas em atraso;

  • Ter noção da lucratividade de uma clínica.

2- Não misture conta pessoal com conta empresarial

Muitos empresários misturam a sua conta pessoal com a conta empresarial. Mas isso é um erro grave que pode resultar em muita confusão.

Por exemplo, quando você paga as suas contas pessoais, você não está mais contabilizando as despesas da empresa. Logo, você pode acabar confundindo o que é gasto pessoal e gasto empresarial.

3- Planejamento financeiro para médicos: Tenha uma reserva de emergência

Ter uma reserva de emergência é uma necessidade não apenas pessoal, mas também para a sua empresa. Ou seja, você deve ter uma reserva feita com o seu próprio dinheiro e outra feita com o dinheiro da empresa.

No caso da reserva de emergência da empresa, você deverá usá-la apenas em momentos de crise, para que o negócio possa continuar funcionando.

4- Use a tecnologia ao seu favor

O planejamento financeiro para médicos pode ser facilitado com o uso de tecnologias. Por exemplo, você pode recorrer aos sistemas de controladorias e às planilhas de Excel.

O uso de alguns sistemas contábeis pode exigir um certo investimento. Sendo assim, analise se é disso o que a sua empresa precisa.

Se for, invista para que possa colher os frutos depois. Afinal de contas, um bom planejamento financeiro é essencial para a saúde financeira da sua empresa.

5- Amplie conhecimentos sobre planejamento financeiro

Mesmo você sendo um médico, é essencial estudar sobre gestão financeira. Ou seja, não fique restrito apenas aos conhecimentos da sua área de atuação.

Ao invés disso, procure expandir os conhecimentos sobre assuntos que possam ajudar no crescimento da sua empresa.

Sendo assim, não deixe de procurar formas de ampliar seus conhecimentos sobre planejamento financeiro.

Além disso, fique de olho em novas ferramentas que possam ajudar na gestão da sua empresa. Assim você pode manter a saúde da sua empresa e crescer o negócio.

6- Busque suporte especializado

Por fim, caso seja necessário, não deixe de procurar a ajuda de um suporte especializado como, por exemplo, uma contabilidade.

Enfim, ter a ajuda de profissionais para gerir o seu dinheiro pode ser a solução para o planejamento financeiro do seu negócio.

LEIA MAIS

Opex, o que é? Como funciona, cálculo e usos na análise de investimentos

Balança patrimonial: o que é, como fazer e analisar esse documento?

O que é a Participação nos Lucros e Resultados (PLR)?

Elisão e evasão fiscal: o que são? Como pagar menos impostos

O que é Kaizen? Veja como aplicar o método na sua empresa

O que é due diligence? Entenda o conceito e sua aplicação em empresas

Fontes: Contabilidade dias, Suno e Mais laudo.

Conte-nos a sua opinião...