Efeito Dunning-Kruger, será que você sabe tanto mesmo?


O Efeito Dunning-Kruger é um viés cognitivo. Por meio dele, as pessoas acreditam saber mais sobre um assunto do que de fato sabem.

Isso é um problema, pois pode afetar as decisões tanto na vida pessoal, quanto no mercado financeiro ao tomar decisões de investimento.

O que é o efeito Dunning-Kruger?

O efeito Dunning-Kruger é um tipo de viés cognitivo onde uma pessoa acha que sabe muito sobre um assunto, quando na verdade, ele sabe pouco.

Por exemplo, uma pessoa sob esse efeito pode se considerar um especialista em um assunto que sabe pouco.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Por outro lado, os especialistas de fato admitem que o tema é muito mais complexo do que eles acreditavam inicialmente.

Sabe aquela famosa frase do filósofo grego Sócrates “Só sei que nada sei”? Pois é, quanto mais uma pessoa sabe sobre um assunto, maior a sua consciência de que ainda falta muito para se conhecer.

Já as pessoas que sabem pouco sobre certo assunto, tendem a superestimar o seu conhecimento. Isso foi demonstrado nos estudos dos psicólogos norte-americanos David Alan Dunning e Justin Kruger, em 1999.

É por isso que esse viés cognitivo ficou conhecido como efeito Dunning-Kruger. Nos estudos, os psicólogos pediram para as pessoas avaliassem o seu desempenho em certa situação.

O problema é que a avaliação das pessoas era matematicamente impossível.

Por exemplo, em um dos estudos, 88% dos motoristas norte-americanos entrevistados consideraram suas habilidades “acima da média”.

Sendo assim, eles se achavam melhor que os outros 50% dos motoristas. Mas isso seria impossível.

Como o efeito Dunning-Kruger se manifesta?

O efeito Dunning-Kruger se manifesta por meio de um julgamento errado do seu nível de conhecimento sobre algo.

Sendo assim, quando alguém sabe pouco sobre algo complexo, ela tende a criar uma superioridade ilusória. Isso porque, ela é incapaz de reconhecer a complexidade do assunto.

Sendo que este erro é denominado de erro de calibração do incompetente. Esse erro tem como origem a dificuldade que essas pessoas têm em julgar a habilidade dos outros.

No começo, essa pessoa não sabe nada sobre o assunto. Mas depois que ela começa a entender, acha que já domina o assunto.

Contudo, com o tempo ela nota que o assunto é muito mais complexo. É nessa etapa que muitas pessoas desistem de continuar estudando sobre o assunto em questão.

No entanto, aquelas que continuarem estudando, vão adquirindo domínio. Conforme se aprofundam, elas percebem que nunca saberão tudo.

Um detalhe importante é que não é exatamente que as pessoas com este viés acham que são melhores do que os experts. Na verdade, elas apenas acham que sabem mais do que de fato sabem.

Impactos no mercado financeiro

O mercado financeiro é um campo muito propício para o efeito Dunning-Kruger.

No começo, as pessoas costumam achar que o mundo dos investimentos é complicado demais. Essa é a fase do “eu não entendo nada sobre o assunto”.

No entanto, ao dar o primeiro passo, as pessoas descobrem que o processo de investir é simples. De fato, as regras do mercado são simples.

Isso faz com que as pessoas passem muito rápido do ponto de “não sei nada” para “eu sei tudo”.

O problema é que, ao acharem que sabem tudo, essas pessoas podem tomar decisões erradas de investimento. Até porque investir é fácil, mas se tornar um excelente investidor não é tão simples.

Inclusive, Warren Buffett, um dos maiores investidores do mundo, recomenda que as pessoas invistam em ETFs que não buscam um retorno acima do mercado, mas sim empatar com ele.

Isso porque empatar com o mercado é mais fácil do que vencê-lo. Além disso, os experts em investimento sempre recomendam a diversificação de investimentos.

No fim das contas, é essencial que ao investir e para evitar o Efeito Dunning-Kruger, você analise bem os investidos e não confie sua decisão apenas no que você acha que sabe.

Ser sincero consigo mesmo e se conhecer, também pode ajudar bastante.

LEIA MAIS

Mindset financeiro, o que é? Definição, como é moldado e como mudar

Efeito reflexão, o que é? Relação com os investimentos e como se livrar

Finanças comportamentais, o que são? Como surgiu e importância

Efeito disposição: o que é, como funciona e como evitar

Teoria do prospecto, o que é? Efeitos e relação com os investimentos

Ilusão de controle, como não deixar que isso te atrapalhe

Fontes: Warren, Raciocínio clínico e Psicologia viva.


Conte-nos a sua opinião...