Viés da confirmação: o que é e como funciona?


O viés da confirmação é um tipo de viés cognitivo. Por meio dele, a pessoa procura por informações que confirmem suas crenças e ignora as informações que vão contra.

Também conhecido como Coleta seletiva de evidências, esse viés faz com que a pessoa foque apenas nas informações que servem para confirmar as suas opiniões, enquanto descarta as que vão contra.

Sendo que isso também afeta os dados que a pessoa se lembra e a credibilidade que ela concede às informações que tem acesso.

Esse viés foi descoberto pelo psicólogo Peter Wason, em 1960.  Em resumo, Wason fez um experimento chamado “Sobre o fracasso em eliminar hipóteses em uma tarefa conceitual”.

Nesse estudo, ele registrou a tendência da mente humana de interpretar informações de forma seletiva. Depois ele confirmou isso com outros testes e os resultados em “Raciocínio sobre uma regra”.

Inclusive, o viés chegou a ser chamado de Efeito Wason, mas o próprio Wason deu o nome de Viés da Confirmação a este viés.

Enfim, à primeira vista esse viés pode parecer inofensivo. No entanto, ele pode ter resultados ruins.

Isso porque a pessoa pode tomar decisões erradas ao focar apenas em informações que confirmem as suas crenças. Afinal de contas, as crenças dessa pessoa podem estar incorretas.

Como o viés da confirmação funciona?

O viés da confirmação funciona como um viés cognitivo, que afeta a forma de raciocinar de uma pessoa.

Sendo assim, com este viés, a pessoa passa a dar maior credibilidade às informações que confirmam suas crenças. Além disso, ela ignora as informações que são contrárias ao que ela crê.

Portanto, esse viés muda a forma com que a pessoa busca por informações e a forma com que ela interpreta os dados coletados.

Esse viés pode afetar até mesmo a forma que você cria lembranças. Isso porque, você vai se lembrar mais das informações que confirmam as suas crenças.

Desse modo, você pode criar memórias tendenciosas, que não condizem com o que de fato aconteceu.

Perigos de viés de confirmação

Alguns perigos do viés da confirmação são:

1- Julgar as pessoas de forma errada

Cada pessoa, vê a si mesmo como o centro do universo. Isso significa que nós julgamos como mais confiáveis, mais íntegros e inteligentes do que as pessoas à nossa volta.

Portanto, nós julgamos as pessoas à nossa volta com base nessa visão que temos de nós mesmos.

Sendo assim, uma pessoa que não compartilha de nossas crenças, pode ser julgada de forma errada, apenas porque ela não acredita na mesma coisa.

2- Preconceito causado pelo viés da confirmação

O preconceito é um julgamento prévio, antes de se conhecer de fato algo.

Em síntese, o viés da confirmação acentua esse preconceito, e passamos a julgar coisas e pessoas que não conhecemos, com base em nossas crenças particulares.

3- Memórias seletivas

Por fim, o viés da confirmação pode ainda afetar a nossa memória. Em resumo, temos a tendência de lembrar dados do passado que são melhores para nós e ignorar os outros.

Enfim, é por isso que as pessoas que viveram a mesma experiência, têm memórias diferentes sobre os fatos ocorridos.

Como evitar o viés da confirmação?

Algumas dicas para evitar este viés são:

1- Mude a convicção para curiosidade

A postura de quem sabe das coisas é mais fácil de ser mantida, do que uma postura aberta a aprender coisas novas.

No entanto, ter curiosidade para expandir os horizontes é mais recompensadora do que permanecer com uma única convicção. Portanto, para evitar o viés da confirmação, adote uma postura de curiosidade.

2- Ouça opiniões diferentes

É muito confortável ouvir apenas opiniões que condizem com o que já pensamos. Mas ouvirmos opiniões diferentes é essencial para evitar o viés da confirmação.

Isso porque esse viés consiste justamente considerar apenas as informações que confirmam nossas crenças.

3- Entenda as divergências

Entenda que é normal que as pessoas tenham opiniões diferentes. Além disso, saiba respeitar a opinião do outro, mesmo que você não esteja de acordo.

4- Mude de área e conheça pessoas novas

Por fim, procure formas de conhecer novas pessoas. Ao expandir o seu círculo de conhecidos, você tem acesso a uma gama maior de opiniões e crenças. 

LEIA MAIS

Desconto hiperbólico, o que é e como te afeta?

Viés da informação: aprenda o que é e qual sua origem

Ilusão de controle, como não deixar que isso te atrapalhe

Efeito Dunning-Kruger, será que você sabe tanto mesmo?

Viés do ator-observador: veja o que é e como funciona

Ilusão de superioridade: aprenda o que é e como funciona

Efeito de dotação: saiba o que é como lidar com ele

Efeito reflexão, o que é? Relação com os investimentos e como se livrar

Viés atencional: descubra o que é e como funciona!

Viés do ponto cego: o que é, como funciona e exemplos

Fontes: Oxford Brazil ebm, Psicanálise clínica e, por fim, Psicologia do ckhorn.

Conte-nos a sua opinião...