Plano real, o que foi? Definição, história da moeda e características


O Plano Real foi uma solução proposta para controlar a hiperinflação que assolou a população brasileira até 1994, quando então o plano real foi posto em prática. Portanto, o Plano Real foi uma série de reformas econômicas realizadas com o intuito de combater a hiperinflação.

Contudo, o Plano Real não foi o único a tentar salvar a nação. Na verdade, antes dele, houve vários outros planos que foram implementados e fracassados. Todos tinham por objetivo controlar a inflação, ou seja, o aumento dos preços de produtos e serviços.

Em resumo, o Plano Real criou a moeda chamada de Real e uma série de medidas. Através dele foi possível controlar a hiperinflação (inflação desenfreada) e restabelecer a economia brasileira. Portanto, o Plano Real foi um importante marco na nossa nação. 

Notícias ao Minuto

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O que foi o Plano Real

O Plano Real foi uma tentativa de salvar a economia nacional que estava hiperinflacionada. Antes dele, outros planos foram implantados e atingiram sucesso durante um tempo, porém, não eram duradouros, logo os problemas econômicos voltavam.

Em resumo, os planos buscavam solucionar os efeitos da hiperinflação, não as suas causas. Esse foi o diferencial que fez com que o Plano Real tivesse êxito duradouro. Ou seja, o plano econômico diagnosticou as causas dos problemas e encontrou as soluções corretas.

Plano real o que foi? planos anteriores e medidas tomadas

Uol

Antes do Plano Real, a inflação estava tão descontrolada que, ao ir no supermercado pela manhã, a mercadoria estava com um preço, porém, a tarde, ela poderia estar com um preço muito superior. Foi daí que surgiu o hábito brasileiro de fazer compras para o mês.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Isso porque, quando recebiam seus salários mensais, as pessoas iam ao supermercado e compravam de uma vez o suficiente para um mês ou mais. Em resumo, era uma forma de garantir que teriam alimento para aquele mês. 

Antes do Plano Real

Muito antes do Plano Real ser lançado, o Brasil já estava com problemas. A dívida pública externa, que são os débitos acumulados através de empréstimos pegos com outros países, estava alta.

Na Era Vargas, por exemplo, foi realizado o Projeto Nacional de Desenvolvimento, que tinha por objetivo tornar o Brasil um país mais independente em termos de produtos industrializados, já que o Brasil estava com déficit comercial. 

Plano real o que foi? planos anteriores e medidas tomadas

Agência Brasil

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Dessa maneira, o projeto de desenvolvimento nacional resultou no maior crescimento da história da industrialização brasileira.

A ideia de tornar o Brasil mais auto suficiente foi continuado por Juscelino Kubitschek, através do chamado Plano de metas, porém, ele se apoiava em financiamento externo. 

Ditadura Militar

Com a Ditadura Militar (1964-1985), as coisas não melhoraram, na verdade, a desigualdade social ficou ainda mais evidente. Então, em 1973, teve uma crise petrolífera resultante de um embargo da Organização dos Países Árabes de Petróleo (Opeap) e afetou diversos países, inclusive o Brasil.

Posteriormente, quando enfim a Ditadura acabou, o Brasil estava com uma dívida externa exorbitante.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Nesse período houve também a Crise da Dívida Externa Latina – Americana, que foi, basicamente, resultante do fato de que o México suspendeu os pagamento de sua dívida pública, o que fez com que a confiança nos países latino-americanos, de maneira geral, fosse reduzida. 

Nesse contexto, a inflação estava nas alturas, chegando aos incríveis 6.800%. Ou seja, o poder de compra da população brasileira estava sendo totalmente corroído. Contudo, o plano real ainda não tinha sido criado nessa época.

Plano real o que foi? planos anteriores e medidas tomadas

Live coins

Posteriormente, em 1989, um grupo de instituições financeiras de Washington (EUA), definiram uma série de medidas econômicas, que ficaram conhecidas como Consenso de Washington.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O principal objetivo da medida era exercer influência sobre os países que estavam em desenvolvimento e passando por dificuldades financeiras. Em resumo, eles conseguiram influenciar com o neoliberalismo de suas propostas vários países da América Latina.

Como resultado dessa influência podemos citar a diminuição do poder do estado na economia, políticas de austeridade fiscal e ainda desregulação de instituições financeiras.

Enfim, o neoliberalismo atingiu muitos economistas e sua influência foi sentida também no Brasil, inclusive no Plano Real. 

Os planos antes do Plano Real

Depois do fim da ditadura, o Brasil estava com uma terrível crise econômica. Quando começou a Ditadura, em 1964, a dívida externa do Brasil estava em US$ 3.294 milhões e quando ela terminou, em 1985. a dívida tinha subido para US$ 105.171 milhões.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Dessa maneira, procurando uma forma de restabelecer a economia nacional, diversos planos foram lançados antes do Plano Real, como:

1- Plano Cruzado

Quando José Sarney assumiu a presidência, depois da morte de Tancredo Neves, foi lançou o Plano Cruzado, em 1986.

O Cruzado (Cz$) foi o substituto do Cruzeiro (Cr$), sendo que 1 Cruzado era equivalente a 1000 Cruzeiros. Dessa maneira, o Cruzado circulou de 22 de abril de 1986 até 15 de março de 1990.

Além disso, Sarney ainda congelou os salários, o chamado gatilho salarial.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Plano real o que foi? planos anteriores e medidas tomadas

You tube

O intuito era que os salários ficassem congelados até que a inflação estivesse em 20%. Ele também estabeleceu o congelamento dos preços por um ano.

Dessa forma, como os preços não podiam subir, mas os custos da produção sim, a indústria começou a produzir menos. O resultado disso foi óbvio: começou a faltar produtos nas prateleiras. Então, o governo se deu por vencido e descongelou os preços. 

2- Plano Bresser

Com o mesmo objetivo do Plano Cruzado, o Plano Bresser foi lançado em 1987. O seu nome foi uma referência a Luiz Carlos Bresser Pereira, então Ministro da Fazenda no governo de José Sarney.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Esse novo plano tinha por método a continuação nos congelamentos dos preços, contudo, agora eles era corrigidos a cada 90 dias, junto de uma redução salarial. Claro que não deu certo. 

3- Plano Verão

Com um novo Ministro da Fazenda, Maílson da Nóbrega, veio um novo plano de recuperação. O Plano verão pretendia continuar com o congelamento de preços, mas, agora, com uma nova moeda o Cruzado Novo (NCz$).

O Cruzado Novo circulou entre 16 de janeiro de 1989 até 31 de outubro de 1990.

Plano real o que foi? planos anteriores e medidas tomadas

Cara ou coroa

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Essa nova moeda funcionava da seguinte maneira: 1 Cruzado Novo era igual 1000 Cruzados. Esse plano também fracassou. 

4- Plano Collor

Fernando Collor de Mello, o primeiro presidente eleito depois da Ditadura, decidiu por medidas severas. Desse modo, ele chegou a implantar dois planos durante a sua gestão, o Plano Collor I e Plano Collor II. 

Collor também substituiu o Cruzado Novo (NCz$) pelo Cruzeiro (Cr$), que circulou de 15 de abril de 1990 até 30 de setembro de 1992. Contudo, a moeda continuou a valer o mesmo que o Cruzeiro Novo, dessa forma, 1 Cruzeiro equivalia a 1 Cruzeiro novo. 

Uma das formas que o Collor encontrou para controlar a inflação, foi com o plano de demissão voluntária de funcionários públicos e uma medida extremamente polêmica de bloquear as poupanças, com o intuito de reduzir o dinheiro em circulação e, então, controlar a inflação.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Dessa forma, as poupanças com mais de Ncz$ 50 mil foram totalmente bloqueadas por 18 meses. Isso correspondia a 80% da população.

Bússola do Investidor

Com o fracasso do Plano Collor I o Plano Real ainda não havia sido criado. Ao invés disso, entrou em prática o Plano Collor II. Nesse plano, os preços e os salários continuavam congelados.

Contudo, foi extinto um tipo de investimento de curto prazo, chamado de overnight, que consistia em deixar o dinheiro de um dia para o outro com rendimentos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Então, foi criado o Fundo de Aplicações Financeiras com taxas igual a Taxa Referencial, que era a base de juros do Brasil na época. 

Entretanto, o que resultou das medidas de Collor foi uma crise política que acarretou no impeachment do presidente, em 1992. Logo, quem assumiu a presidência foi seu vice, Itamar Franco, com o difícil objetivo de recuperar o Brasil. 

Plano Real

Quando assumiu a presidência, Itamar Franco lançou o Cruzeiro Real (CR$), então 1CR$ era igual a Cr$ 1.000. Ele circulou entre 29 de outubro de 1993 e 15 de setembro de 1994.

Paralelo a isso, foi nomeado um novo Ministro da Fazenda, o Fernando Henrique Cardoso. 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O Plano Real foi o resultado alcançado pela equipe reunida por Fernando Henrique Cardoso, tendo por membros André Lara Resende, Pérsio Arida, Gustavo Franco, Edmar Bacha, Winston Fritsch e Pedro Malan.

Em outras palavras, essa equipe foi a principal responsável pela criação e implantação do Plano Real. 

Br coin shop

O Plano Real foi dividido em três etapas: 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

1- Ajuste Fiscal

Nesta primeira etapa do Plano Real, o governo procurou cortar gastos e arrecadar mais impostos. Isso foi feito por meio do chamado Programa de Ação Imediata (PAI). Nessa etapa também ocorreram diversas privatizações. 

2- Implementação

O segundo passo para a implementação do Plano Real foi a Unidade Real de Valor (URV), que tinha por intuito desindexar a economia.

Dessa forma, foi lançado uma moeda virtual que estava atrelada às variações do dólar do dia anterior. Portanto, os preços URV eram baseados no dólar, contudo, no momento de pagamento o valor era convertido para o Cruzeiro Real.

Sendo assim, os valores eram atualizados diariamente pelo Banco Central

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Plano real o que foi? planos anteriores e medidas tomadas

CNN Brasil

3- Lançamento do Real

Enfim, na última etapa do Plano Real, a moeda Real foi lançada. Oficialmente, o plano foi lançado em 1º de julho de 1994., sendo que R$1 equivalia a CR$ 2.750. 

Por fim, depois que a etapa 1 e 2 já tinha sido implantada e estava surtindo efeitos positivos na economia, Fernando Henrique Cardoso largou o cargo de Ministro da Fazenda para disputar a presidência. Ele foi substituído, então, por Rubens Ricupero. 

E aí, gostou de conhecer sobre o Plano Real que foi um verdadeiro marco na história brasileira? Então, saiba também o que é Reserva de Emergência – O que é, como começar e onde investir

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Fontes: Politize, Mundo educação, Suno e Uol

Imagens: Foregon, Notícias ao Minuto, Bússola do Investidor, CNN Brasil, You tube, Br coin shop, Cara ou coroa, Uol, Agência Brasil e Live coins


Conte-nos a sua opinião...