Ações que mais pagam dividendos (2023)

4 de abril de 2022 - por Jaíne Jehniffer


As ações que mais pagam dividendos podem ser uma boa opção para as pessoas que estão construindo uma carteira com foco no recebimento de proventos.

Além disso, essas ações também podem ser uma boa para quem deseja viver de renda por meio do recebimento de renda passiva. No entanto, apesar do alto volume de dividendo ser positivo, você não deve investir em uma empresa só por isso; o ideal é que você analise os indicadores da empresa antes de investir.

Quem lidera a lista é a Petrobras, com um Dividend Yield de 58,65%. Em seguida temos a Copel com Dividend de 15,51% e em terceiro lugar está a CSN Mineração com Dividend de  15,31%. Lembrando que este texto é apenas para te apresentar as empresas, e não  uma recomendação de investimentos.

As 15 ações com maior potencial de pagar bons investimentos

As 15 ações com maior potencial de pagar bons dividendos são:

1- Petrobras (PETR4, PETR3)

A Petrobras é uma empresa do segmento de petróleo e gás natural que atua na exploração, produção, refino e comercialização de petróleo e derivados. As ações da Petrobras PETR4 e PETR3 estão com um Dividend Yield de 58,65% e 54,08% respectivamente.

2- Copel (CPLE6)

A Copel (Companhia Paranaense de Energia) é uma das maiores companhias elétricas do país. No momento, o seu Dividend Yield está em 15,51%.

3- CSN Mineração (CMIN3)

A CSN Mineração é considerada a segunda maior exportadora de minério de ferro do Brasil e está com um Dividend Yield de 15,31%.

4- Cielo (CIEL3)

A Cielo é uma empresa de serviços financeiros, que atua com soluções tecnológicas para realizar adquirência das vendas no e-commerce e no canal tradicional para outras empresas e lojistas. O seu DY é de 15,19%.

5- Banco do Brasil (BBAS3)

14,38%

6- Cemig (CMIG4)

13,57%

7- Taesa (TAEE11)

A Taesa (TAEE11), a maior empresa do ramo de transmissão elétrica do Brasil. É conhecida como uma das maiores pagadoras de dividendos da bolsa de valores brasileira. No momento, o seu Dividend Yield está em 13,41%.

8- Gerdau (GGBR4)

A Gerdau (GGBRP4) é uma empresa que realiza a produção e comercialização de produtos de aço em geral, líder no segmento de aços longos nas Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais para o setor automotivo global. Enfim, o seu DY atual é de 13,38%.

9- Bradespar (BRAP4)

A Bradespar é uma Holding controlada pelo Bradesco, e que detém cerca de 6% do capital votante da Vale. O seu DY do momento é de 13,36%.

10- CPFL Energia (CPFE3)

A CPFL Energia S/A é uma holding do setor de energia elétrica. A CPFL atua tanto na geração, quanto na distribuição e comercialização de energia através das suas subsidiárias. O seu Dividend Yield é de 12,27%.

11- Gerdau Metalúrgica (GOAU4)

As ações de ticker GOAU4 da Gerdau também estão entre as ações com maiores dividendos. No momento, o DY dessa ação é de 11,10%.

12- Energias do Brasil (ENBR3)

A EDP Energias do Brasil é uma holding controlada pela EDP em Portugal. Ela atua na geração, distribuição, comercialização, transmissão e serviços de energia elétrica. O seu DY atual é de 10,71%.

13- CSN (CSNA3)

A CSN atua em toda a cadeia produtiva do aço, desse modo, ela realiza a extração do minério de ferro, faz a produção de peças e comercializa os produtos. Atualmente, o seu Dividend Yield é de 10,31%.

14- Vale (VALE3)

A Vale (VALE3) é a maior empresa do segmento de mineração brasileiro, ela atua nos setores de: mineração, logística de minérios e transporte, energia e siderurgia. Atualmente, o seu DY é de 9,82%.

15- Marfrig (MRFG3)

Por fim, temos a Marfrig (MRFG3), que é uma holding do ramo alimentício, sendo líder mundial na produção de hambúrgueres. O seu DY atual é de 9,81%.

Como saber quais são as melhores ações pagadores de dividendos?

As métricas usadas para descobrir quais são as maiores pagadoras de dividendos são:

1- DY

O Dividend Yield (DY) é a métrica mais usada para analisar a distribuição de dividendos de uma empresa. Ele indica qual é a proporção dos dividendos pagos em relação à cotação atual das ações.

2- Payout das ações de dividendos

O payout indica a porcentagem de lucro líquido da empresa que foi distribuída como dividendos entre os acionistas em certo período. Por exemplo, uma empresa com payout de 50% distribuiu metade do seu lucro para os acionistas.

3- Receita e geração de caixa

Para que uma empresa seja uma boa distribuidora de dividendos, ela precisa ter uma boa geração de caixa. Afinal de contas, sem gerar receita a empresa não tem de onde tirar o dinheiro para distribuir para os acionistas.

4- Dividend on Cost das ações de dividendos

Também chamado de Yield on Cost, esse indicador leva em conta os proventos recebidos divididos pelo preço médio pago por ação. Ou seja, para saber qual é o dividend on cost, basta dividir o quanto você recebeu de dividendos dividido pelo preço que você pagou pelas ações.

5- Lucro por ação

Por fim, outro indicador muito usado para analisar uma empresa é o lucro por ação, que é o resultado da divisão do lucro líquido pelo total de ações da empresa.

Por que investir em ações de dividendos?

Ao abrir o capital na bolsa de valores, as empresas recebem o investimento de diversos investidores que acreditam no potencial e no futuro da companhia. Depois da abertura de capital, as ações da empresa são negociadas na bolsa de valores entre os investidores.

Ou seja, no primeiro momento, quando o capital é aberto, o dinheiro dos investidores vai para o caixa da empresa.  Contudo, depois disso as ações são negociadas entre investidores. Dessa forma, o dinheiro não vai mais para a empresa.

Talvez você esteja se perguntando por que as empresas distribuem dividendos, já que, com a negociação entre investidores, ela não lucra. Acontece que as ações são frações de uma empresa. Desse modo, ao comprar uma ação na bolsa de valores, o investidor passa a ser sócio do negócio.

Portanto, como sócio, ele tem alguns direitos, tais como o recebimento de proventos. Inclusive, a distribuição de dividendos é regulada por lei. Algumas vantagens de investir em empresas distribuidoras de dividendos é:

1- Renda passiva com as ações de dividendos

Os dividendos são uma forma de ter renda passiva, isto é, ter uma fonte de renda sem precisar trabalhar ativamente por ela. Se você está na fase de construção de patrimônio, o ideal é reinvestir os dividendos. Mas se você está na fase de usufruir do patrimônio, você pode usar essa renda passiva para viver de renda.

2- Diversificação por meio das ações de dividendos

Aplicar em ações de dividendos é uma forma de diversificar não apenas a sua carteira, mas também as suas fontes de renda. Ao atingir a independência financeira, você pode parar de trabalhar e usar os dividendos para manter o seu padrão de vida.

3- Liquidez das ações de dividendos

Em resumo, a liquidez é a facilidade com que você consegue vender um ativo. As ações de dividendos costumam ter alta liquidez, sendo assim, elas são vendidas facilmente.

4- Isenção de IR

Por enquanto, os dividendos são isentos de imposto. Infelizmente, é possível que isso mude.

5- Empresas consolidadas com ações de dividendos

Normalmente, as empresas distribuidoras de dividendos são companhias consolidadas com alta geração de renda. Portanto, são empresas menos arriscadas de se investir.

Enfim, espero que você tenha gostado de descobrir quais são as ações que mais pagam dividendos. Aproveite para descobrir também Como parar de pensar demais e organizar sua vida em 5 passos

Fontes: Xp, Toro investimentos e E-investidor.

10 livros essenciais para entender sobre economia comportamental

10 dicas de como melhorar a sua relação com o dinheiro

Mitos e verdades sobre empreendedorismo que devemos conhecer

8 dicas do que fazer com a restituição do IR