Títulos dos EUA: quais são e como investir no país?

Investir em títulos dos EUA é uma forma de obter bons retorno, com baixo risco e ainda diversificar a carteira.

21 de outubro de 2022 - por Jaíne Jehniffer


Os títulos dos EUA, ou títulos de renda fixa americana, são títulos de baixo risco, parecidos com os títulos de renda fixa brasileira.

Esses títulos são uma boa opção para quem deseja investir na carteira, mas não quer correr muitos riscos.

Sendo que investir nesses títulos tem algumas vantagens como, por exemplo, a rentabilidade. Isso porque a renda fixa americana pode proporcionar bons rendimentos.

Além disso, ao investir nos EUA você diversifica a sua carteira de investimentos. Em resumo, a diversificação é uma forma de diluir os riscos da carteira e potencializar os retornos.

Portanto, investir em títulos dos EUA é uma forma de obter bons retornos, com baixo risco e ainda diversificar a carteira.

Quais são os títulos dos EUA para investir?

Algumas formas de investir nos EUA são:

1- Treasuries

O governo dos EUA tem os treasuries, que são parecidos com os títulos do Tesouro Direto do Brasil. No geral, esses títulos são divididos em três tipos:

1- T-Bond

Os Treasury Bond (Bond ou T-Bond) são os títulos do governo americano com prazo acima de 30 anos. O pagamento, por sua vez, ocorre a cada 6 meses.

2- T-Note

Por outro lado, os Treasury Note (Note ou T-Note) são as obrigações com prazo de 2 a 10 anos. Neste caso os investidores também recebem a cada 6 meses.

3- T-Bill

Por fim, os Treasury Bill (Bill ou T-Bill) são os títulos do governo com prazo de alguns dias até 52 semanas.

2- Certificate of deposit (CD)

Os Certificates of Deposit (CDs) são títulos parecidos com os bonds. No entanto, neste caso a emissão dos títulos ocorre apenas por meio de bancos ou instituições financeiras.

Dessa forma, eles são parecidos com os Certificados de Depósito Bancário (CDBs) do Brasil.

Na prática, eles funcionam como um tipo de empréstimo do dinheiro do investidor para a instituição. Sendo assim, em troca pelo empréstimo, o investidor recebe uma taxa de juros.

3- Exchange Traded Funds (ETF)

Por fim, temos os ETFs – Exchange Traded Funds, ou seja, são fundos de índices. Em síntese, os ETFs são negociados na bolsa e suas carteiras seguem um índice de referência.

Existem vários tipos de ETFs nos EUA, focados nos mais variados tipos de mercado. No caso dos ETFs de renda fixa, eles têm como objetivo replicar as variações e a rentabilidade de índices de renda fixa.

Quais são as vantagens de investir em títulos dos EUA?

Algumas vantagens da renda fixa americana são:

1- Renda fixa

Algumas vantagens da renda fixa são:

  • Baixa volatilidade

  • Baixo risco

  • Consistência e previsibilidade

2- DC

Já os Certificates of Deposit tem as vantagens de:

  • Diversificação

  • Estabilidade de renda

3- ETF

Por fim, algumas vantagens de investir em ETF são:

  • Diversificação

  • Facilidade

  • Custo baixo

Como investir em títulos dos EUA?

Para investir em renda fixa americana, você precisa abrir uma conta em uma corretora de valores dos EUA.

Mas não se preocupe, isso não é ilegal e pode ser feito de forma bem fácil e rápido. Isso porque já existem corretoras estrangeiras com foco no público brasileiro.

Além disso, por meio de uma corretora, você tem acesso a vários tipos de títulos e não apenas renda fixa.

Por exemplo, você pode investir em ações nas bolsas de valores dos EUA. Sendo que as bolsas dos EUA contam com empresas de várias partes do mundo. Portanto, você pode fazer uma boa diversificação da sua carteira.

Contudo, antes de investir, não esqueça de considerar o seu perfil de investidor, já que algumas opções de investimentos têm um risco maior.

Quais cuidados tomar ao investir em títulos americanos?

Antes de investir em títulos americanos, verifique quais são os riscos do ativo. Fazer essa análise de risco é essencial pois, o ideal é que você invista em ativos que se encaixam no seu perfil de investidor e objetivos financeiros.

Além disso, ao abrir uma conta no exterior, você deve conferir se a corretora é de confiança. Por fim, não deixe de conferir quais são as taxas cobradas.

Diferenças entre títulos de renda fixa brasileiros e americanos

Existem muitas semelhanças entre os títulos de renda fixa brasileiros e americanos. Entretanto, existem algumas diferenças entre eles.

A grande diferença é que a negociação dos treasuries ocorre de forma direta com o governo dos Estados Unidos. Sendo assim, não há intermediação de corretoras de valores ou bancos como ocorre no Brasil.

Outra diferença é que, para uma pessoa física no Brasil investir em treasuries, é bem complicado. Mas existem outras opções que são bem mais fáceis como, por exemplo, os ETFs.

LEIA MAIS

Fontes: Remessa online, Globo e Suno.

8 dicas do que fazer com a restituição do IR

Como comprar euro mais barato

As dívidas mais comuns entre os brasileiros e como evitá-las

Programa de fidelidade: o que é, como funciona e exemplos