Como investir na Bolsa de Valores com pouco dinheiro?

Existe um mito de que é preciso ter muito dinheiro para investir. Mas na verdade, você pode investir em ações com pouco dinheiro, através do mercado fracionário. Neste mercado, você pode escolher quantas ações comprar, entre 1 e 99. Logo, se uma ação custar R$ 20,00 o dinheiro necessário para investir nela será apenas o valor da ação e a taxa de corretagem cobrada pela corretora.

11 de março de 2021 - por Jaíne Jehniffer


Você pode investir em ações com pouco dinheiro, através do mercado fracionário. Nele você pode comprar até mesmo uma única ação.

Sendo assim, você pode investir com menos de R$ 10,00 por exemplo. Enfim, neste texto você vai conferir:

  • É possível investir na bolsa com pouco dinheiro?
  • Como investir em ações com pouco dinheiro?
  • Qual o valor mínimo para investir na bolsa?
  • Como funcionam os investimentos na bolsa?
  • Como comprar ações mais baratas?
  • Quais os melhores investimentos para começar com pouco dinheiro?
  • Quais são os custos envolvidos ao investir com pouco dinheiro
  • O investidor que compra menos ações têm os mesmos direitos?
  • Vantagens de investir na bolsa com pouco dinheiro

É possível investir na bolsa com pouco dinheiro?

Sim. Você pode investir na bolsa de valores com pouco dinheiro. Ou seja, não é preciso ser rico para comprar ações na bolsa.

Na verdade, na bolsa existem ações dos mais diversos preços e é um ambiente bem democrático. Sendo assim, você pode escolher os ativos que mais se encaixam com o seu bolso e o seu perfil de investidor.

Na verdade, é até preferível que você comece investindo pouco dinheiro!

Isso porque, você vai aprendendo aos poucos e se você perder dinheiro, você não perde muito. Imagine só se você coloca todo o seu patrimônio no primeiro investimento e perde tudo?

Melhor começar aos poucos, ir estudando ganhando experiência, confiança e conhecimento.

Investir com pouco dinheiro é uma boa também para que você comece a construir o seu patrimônio logo. Afinal de contas, a construção de um patrimônio é algo para o longo prazo.

Além disso, muitas pessoas não têm muito dinheiro para começar a investir e não faz sentido ficar esperando ter dinheiro para investir. É melhor investir pouco e ir construindo um patrimônio.

Como investir em ações com pouco dinheiro?

Como investir em ações com pouco dinheiro? Vantagens e passo a passo

Para ajudar quem está começando a investir em ações, preparamos um passo a passo:

1- Planejamento financeiro

O primeiro passo para investir na bolsa é fazer um planejamento financeiro. Isso porque, você precisa se planejar para montar a sua reserva de emergência antes de começar a investir.

Essa reserva é extremamente importante, pois, quando algum imprevisto surgir e você precisar de dinheiro, não será preciso resgatar seus investimentos.

Dessa maneira, o valor da reserva deve ser equivalente a 6 meses dos seus gastos mensais.

2- Objetivos

O segundo passo para investir em ações com pouco dinheiro, é definir seus objetivos. Ao estabelecer onde você quer chegar, é possível encontrar as estratégias adequadas.

Além disso, como a construção de um patrimônio é feito aos poucos, ao longo dos anos, é essencial saber seus objetivos para se manter focado e não desistir no meio do caminho.

3- Perfil de investidor

Em todos os investimentos, existe uma relação de risco e retorno. Sendo assim, quanto mais arriscado for um investimento, maiores as chances de altos retornos e vice-versa.

Essa relação entre risco e retorno está diretamente ligada ao perfil de investidor, já que o perfil demonstra o quanto de risco a pessoa está disposta a aceitar.

Existem três perfis principais de investidores: conservador, moderado e arrojado. O investidor conservador é aquele que prefere ativos mais seguros.

o investidor moderado aceita correr um pouco de risco em troca de uma rentabilidade melhor. Por fim, o investidor arrojado é aquele que aceita correr grandes riscos em prol da possibilidade de altos retornos.

4- Estratégias de investimentos

Depois de estabelecer seus objetivos e perfil de investidor, pesquise por estratégias de investimentos. É importante salientar que a bolsa de valores não é um jogo de azar.

É preciso disciplina para fazer aportes regulares e focar em investir a longo prazo. Desse modo, se você acha que é possível enriquecer milagrosamente investindo em ações, você está enganado.

Como investir em ações com pouco dinheiro? Vantagens e passo a passo

5- Pesquise sobre as ações

O próximo passo para investir em ações com pouco dinheiro, é pesquisar sobre os ativos. Você pode começar escolhendo um setor que você mais gosta.

Depois disso, pesquise sobre as empresas e faça uma análise fundamentalista.

Prefira companhias com bons fundamentos e lembre-se de que, se a intenção é investir ao longo prazo, então é essencial que as empresas tenham potencial de crescimento futuro.

6- Abra uma conta

Ao escolher uma corretora, considere aspectos como taxas cobradas, qualidade do atendimento e serviços prestados. Depois de encontrar a que mais se encaixa com você, abra uma conta e faça uma transferência bancária.

7- Aprenda a lidar com o home broker

O home broker é um ambiente dentro da sua corretora de valores, onde você poderá comprar e vender ações. Sendo que você pode acessá-lo pelo computador ou pelo celular.

Você precisa aprender a lidar com o home broker para saber onde encontrar as informações importantes para investir. Por exemplo, os preços dos ativos, o volume de negociações e etc.

8- Invista em ações com pouco dinheiro no mercado fracionário

Se a sua intenção é investir em ações com pouco dinheiro, então provavelmente você irá comprar ações por meio do mercado fracionário. Em resumo, no mercado fracionário você pode comprar quantas ações quiser, entre 1 e 99.

Já no mercado à vista, você precisa comprar um lote padrão, que normalmente é de 100 ações. Desse modo, o mercado à vista é usado para investir valores maiores.

Ao investir com pouco dinheiro no mercado fracionário, o investidor conta com os mesmos direitos dos demais investidores. 

Entretanto, com a constância nos aportes, ele pode aumentar a quantidade de ações em carteira e ultrapassar a quantidade de 100 ações. Isso significa que depois é possível vender todas as ações de uma vez no mercado à vista.

Uma desvantagem do mercado fracionário, é que ele tem baixa liquidez. Ou seja, o investidor pode encontrar certa dificuldade em vender suas ações no curto prazo.

Porém, para os investidores de longo prazo, isso não é um problema, já que o objetivo é construir um patrimônio e não realizar vendas.

Enfim, para investir em ações com pouco dinheiro através do mercado fracionário, basta entrar no home broker, digitar o ticker da ação e no final acrescentar um F.

Se, por exemplo, você for comprar uma ação da WEG, você teria que digitar WEGE3F. Em contrapartida, se você for comprar um lote padrão, basta digitar WEGE3.

9- Mantenha a estratégia ao investir em ações com pouco dinheiro

Depois de investir, é preciso que você mantenha a sua estratégia. Dessa forma, se o objetivo é investir para o longo prazo, você não deve ficar vendendo suas ações.

Além disso, para construir um patrimônio é preciso que sejam feitos aportes constantes. Como não existe um valor mínimo a ser negociado na bolsa, você pode definir qual valor você irá aplicar mensalmente.

Portanto, mesmo que você tenha pouco dinheiro, como R$ 100,00 para investir todos os meses, o importante é que você mantenha a constância nos aportes, diversifique a carteira e reinvista os proventos recebidos.

10- Acompanhe seus investimentos

Depois de investir, não deixe de ficar de olho nos ativos que você investiu. Você não precisa entrar no home broker todos os dias.

Mas é essencial que você saiba como está a evolução da sua carteira e acompanhe o desempenho das empresas por meio de relatórios divulgados e afins.

11- Estude

Por fim, a última dica para investir em ações com pouco dinheiro, é estudar sobre investimentos. Existem diversos livros e cursos que podem te ajudar.

Ao se aprofundar mais no mundo dos investimentos, as probabilidades de você conseguir melhores resultados na bolsa aumentam.

Qual o valor mínimo para investir na bolsa?

Não existe um valor mínimo para que você possa investir na bolsa. Na verdade, o valor mínimo vai depender da ação que você escolher.

Isso porque, você pode comprar apenas uma ação, se você quiser. Logo, você vai precisar apenas do valor da ação. Isso se a sua corretora não cobrar taxas para investir.

Já o valor das ações varia muito. Para você ter uma ideia, algumas ações custam apenas alguns centavos, ao passo em que outras custam centenas de reais.

Como funcionam os investimentos na bolsa?

Como investindo pouco dinheiro, é preciso que você entenda como funciona o investimento em ações. Primeiramente, uma ação é uma fração de uma empresa listada na bolsa de valores.

Por meio das ações, você pode ganhar tanto com a valorização quanto com a distribuição de dividendos. Para ganhar com a valorização, você precisa investir em bons ativos com potencial de crescimento.

Já a questão dos dividendos, isso varia bastante. Isso porque, algumas empresas distribuem muitos dividendos e outras distribuem pouco.

Seja como for, o recomendado é que você reinvista os dividendos. Com isso, você consegue usufruir da mágica dos juros compostos.

Como comprar ações mais baratas?

Como investir em ações com pouco dinheiro? Vantagens e passo a passo

Provavelmente você já ouviu a máxima da bolsa: compre na baixa e venda na alta. Isso parece bem fácil, mas não é.

Isso porque, comprar na baixa não é fácil. O medo de que o ativo continue a cair e você fique no prejuízo é muito grande. Sendo assim, por medo muitos investidores não compram ações na baixa.

É claro que você não deve comprar uma ação só porque ela se desvalorizou. Se você fizer isso você corre sérios riscos de ter prejuízo. Ao invés disso, o ideal é que você analise a empresa antes de investir.

Ou seja, é muito importante que você analise bem a empresa antes de investir, vender ou comprar ações.

Quais os melhores investimentos para começar com pouco dinheiro?

Algumas opções de bons investimentos são:

1- Ações

Existem muitas ações de boas empresas com preço baixo. Sendo assim, com pouco dinheiro você consegue montar uma carteira de ações.

Além disso, como as ações custam barato, você consegue fazer uma boa diversificação entre empresas de diferentes setores e com isso diluir os riscos da sua carteira.

2- Fundos de investimento

Os fundos de investimento, de maneira geral, funcionam como uma reunião de investidores que investem em ativos ou setores em específico.

Existem vários tipos de fundos, como por exemplo, os fundos de ações, fundos multimercado e fundos de renda fixa. Sendo que o nível de risco do fundo depende do tipo de ativo que o fundo investir.

Essa é uma boa opção para investidores iniciantes, pois o gestor do fundo é o responsável por analisar os ativos que farão parte da carteira do fundo. Além disso, eles proporcionam uma boa diversificação na carteira.

3- ETF

Os ETFs são Exchange Traded Funds, ou seja, fundos de índice. Em resumo, os ETFs investem nos mesmos ativos do índice usado como referência.

Sendo assim, o intuito é obter um retorno similar ao do índice. Assim como os fundos, eles têm a vantagem de proporcionar uma boa diversificação.

Quais são os custos envolvidos ao investir com pouco dinheiro

Os custos de investir em ações são:

  • Taxa de corretagem
  • Emolumentos
  • Impostos

Hoje em dia muitas corretoras de valores já estão com taxa zero. Sendo assim, se a sua corretora não cobra taxa de corretagem, já é um custo a menos.

Em relação aos impostos, isso varia bastante de acordo com o tipo de ativo que você irá investir. Sendo que operações de day trade pagam mais impostos do que operações de longo prazo.

O investidor que compra menos ações têm os mesmos direitos?

Sim!

Não importa se você tem 1 ação ou 1.000 ações. Você conta com os mesmos direitos que os demais investidores. Vale destacar que ter o direito não quer dizer ganhar na mesma proporção.

Por exemplo, os dividendos são distribuídos de acordo com a quantidade de ações que você possui. Mas você tem o direito de ganhar os dividendos pelas ações que você tiver, mesmo que forem poucas ações.

Outro exemplo disso é o peso do voto. Quanto mais ações uma pessoa tiver, maior será o peso do seu voto nas assembleias da empresa.

Vantagens de investir na bolsa com pouco dinheiro

Investir na bolsa de valores possui diversas vantagens. A primeira delas, é a possibilidade de maiores lucros do que na renda fixa.

É claro que isso vem acompanhado de um risco maior, já que em todos os investimentos existe uma relação entre risco e retorno.

Investir em ações traz ainda a vantagem do recebimento de dividendos. Em síntese, os dividendos são parte dos lucros das empresas distribuídos aos acionistas.

Sendo assim, ao investir em ações, o investidor pode lucrar com a valorização dos papéis e com o recebimento de proventos.

Outra vantagem é que você escolhe quando vai vender seus ativos, sendo que o mais recomendado é investir a longo prazo.

As ações são os ativos mais famosos da bolsa, mas é possível também investir em outros ativos com pouco dinheiro, como por exemplo, fundos de investimento.

A vantagem de investir em fundos é a possibilidade de receber renda passiva mensalmente. Enfim, assista ao vídeo de Raul Sena, o Investidor Sardinha, para descobrir alguns livros que valem a pena serem lidos:

Além dos livros indicados, existem diversos outros Livros sobre investimentos obrigatórios para investidores iniciantes

Fontes: André bona, Portal do trader, Capital research, Uol e Tecnoblog.

8 dicas do que fazer com a restituição do IR

Como comprar euro mais barato

As dívidas mais comuns entre os brasileiros e como evitá-las

Programa de fidelidade: o que é, como funciona e exemplos