Ibovespa Futuro, o que é? Como funciona, características e como operar


O Ibovespa Futuro é um ativo de renda variável com alto risco, negociado no mercado futuro. Os ganhos e as perdas deste tipo de ativo estão relacionadas ao índice Ibovespa, o principal índice da bolsa brasileira

Ao negociar contratos de Ibovespa Futuro, o investidor faz uma aposta. Logo, ele deduz em quantos pontos o Ibovespa estará em uma data futura. Se ele acertar, ele ganha, se errar, perde. 

Em síntese, os contratos de Ibovespa Futuro podem ser de dois tipos: Contratos Cheios ou Mini Contratos. Neste caso, o contrato cheio possui um valor bem mais elevado do que o mini contrato. 

O que é Ibovespa Futuro

O Índice Ibovespa é um indicador do desempenho das ações mais negociadas na bolsa de valores. Desse modo, ele corresponde a cerca de 80% do volume de negociações na B3 e serve como um parâmetro para a performance do mercado como um todo. 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Ibovespa Futuro, o que é? Como funciona, características e como operar

Minicontratos

Já o Ibovespa Futuro, também chamado de INDFUT, é um ativo de renda variável de alto risco. Os contratos do Ibovespa Futuro são negociados segundo a expectativa do índice Ibovespa para o futuro. Sendo assim, os ganhos e perdas com o INDFUT são resultados das variações do Ibovespa ao longo do tempo. 

Como o Ibovespa Futuro funciona

As negociações do Ibovespa Futuro ocorrem no Mercado Futuro e os contratos possuem sempre vencimento em meses pares, na quarta-feira que estiver mais próxima do dia 15. Os contratos negociados de INDFUT são feitos na expectativa do valor Ibovespa.

Esse valor é representado em pontos, e cada ponto equivale à um valor, dependendo do tipo de contrato negociado. Assim sendo, os contratos de Ibovespa Futuro podem ser negociados de duas maneiras:

1- Contrato Futuro de Ibovespa

Essa opção é também conhecida como contratos cheios. Neste tipo de contrato, cada ponto corresponde à R$1,00. Por se tratar de contratos cheios, o lote mínimo para se investir são de 5 contratos. 

Se por exemplo, o índice estiver em 75.000, o contrato cheio vale R$ 75 mil. No entanto, o mínimo para se negociar são cinco contratos, logo, o lote mínimo para aplicar em Ibovespa Futuro cheio custa R$ 375 mil.

Cointimes

2- Contrato Futuro Mini Ibovespa

A grande diferença entre o contrato mini e o cheio, são os valores necessários para investir. Dessa forma, o mini contrato é negociado com cada ponto por R$ 0,20.

Além disso, a quantidade mínima é de um contrato para negociar. Portanto, se o índice estiver em 75.000 pontos, o contrato mini custaria R$ 15.000. Ou seja, em comparação com o contrato cheio, o mini é mais atrativo para investidores menores. 

Características

Por ser bastante negociado no mercado futuro, os contratos de Ibovespa Futuro possuem uma alta liquidez. Em resumo, a liquidez se refere à facilidade com que o investidor consegue vender um ativo e resgatar o dinheiro

Juntamente com a liquidez, temos a alta volatilidade deste ativo. Isso significa que os preços dos contratos variam constantemente de maneira intensa. Um dos motivos que podem motivar essas oscilações são as pontuações do índice Ibovespa. 

Fdr

Outra característica do Ibovespa Futuro é a possibilidade de alavancagem. Desse modo, é possível comprar ou vender os contratos sem necessariamente desembolsar o dinheiro na negociação. 

Na alavancagem, o operador precisa possuir apenas a diferença da variação do valor do contrato. Para determinar o nível de alavancagem de um investidor, é preciso analisar a margem de garantia do INDFUT. Essa margem serve como um indicativo do valor que o investidor pode negociar baseado no capital que ele tem disponível para investir. 

Por fim, temos ainda como característica os riscos. Como esses ativos passam por fortes oscilações, eles representam um grande risco de perda, principalmente para as pessoas menos experientes.  

Códigos

A lógica dos códigos de contratos futuros são diferentes dos tickers de ações. Por meio deles, é possível identificar o tipo de contrato, o mês de vencimento e ainda o ano de vencimento. 

Ibovespa Futuro, o que é? Como funciona, características e como operar

Valor investe

Sendo assim, a primeira parte do código é composto por três letras que indicam se o contrato é cheio (IND) ou mini (WIN). Depois disso, temos mais uma letra que indica o mês de vencimento e, para finalizar, vem dois números indicando o ano em que o contrato irá vencer. Os meses de vencimentos são representados por letras, sendo elas:

  • G – Fevereiro;
  • J – Abril;
  • M – Junho;
  • Q – Agosto;
  • V – Outubro;
  • Z – Dezembro.

Portanto, se pegarmos como exemplo o código: INDG21 temos que: IND é um contrato cheio, G é o mês de vencimento em fevereiro e por fim 21 é o vencimento no ano de 2021. 

Vantagens e riscos

Uma vantagem de negociar contratos de Ibovespa futuro, é a alta liquidez deste ativo. A alavancagem também pode ser um recurso interessante para quem deseja operar sem ter que arcar, no momento da compra, com os custos da operação. 

Existe ainda a vantagem da criação de uma proteção da carteira contra as oscilações no mercado. Dessa maneira, o investidor consegue equilibrar os ganhos e perdas.

Infomoney

Por outro lado, como possui uma volatilidade muito alta, os contratos são arriscados. Justamente por isso, ele é mais recomendado para os investidores com experiência em renda variável.

Como negociar contratos de Ibovespa Futuro

Primeiramente, para negociar contratos de Ibovespa Futuro, é preciso que o investidor faça um teste de perfil de investidor. Isso é necessário porque este tipo de aplicação não é recomendada para todos os perfis, já que é muito arriscada. 

Depois disso, é preciso definir a sua estratégia de investimento. Normalmente, os contratos de Índices Futuros são usados com dois objetivos principais: proteção de capital e especulação

No caso de proteção de capital, o objetivo é proteger a carteira de investimentos, de modo a diminuir a volatilidade e a oscilação da carteira. Uma maneira de fazer isso, é por meio de contratos apostando na queda do Ibovespa. Dessa forma, com a queda o investidor perde com a carteira de ações, mas ganha com os contratos de Ibovespa Futuro. 

Ibovespa Futuro, o que é? Como funciona, características e como operar

DCI

Em contrapartida, com a especulação, o intuito é prever os resultados para conseguir lucros altos. Nessa previsão, a maioria dos especuladores opta pela análise técnica.

Enfim, essas duas são as formas principais de se operar com contratos de Ibovespa Futuro. É importante que você decida por uma delas, pois cada objetivo requer uma estratégia diferente.

Posteriormente, é preciso escolher uma corretora. Um detalhe importante é que, por ser recomendado apenas para investidores experientes, algumas corretoras limitam essa opção de ativo somente para os investidores com experiência. 

Enfim, agora que você sabe tudo sobre o Ibovespa Futuro, aproveite para entender O que é Ibovespa? Definição, como funciona e formas de investir

Fontes:  Nubank,  Clear e Suno

Imagens: Infomoney, Minicontratos, Fdr, Cointimes, DCI, Infomoney e Valor investe


Conte-nos a sua opinião...